31 de julho de 2012

Resultado - Concurso Nacional de Literatura Infanto-Juvenil de Ponta Grossa

NACIONAL

Cat 1 - O jabuti e a festa no céu (André Telucazu Kondo - Jundiaí/SP)

Cat 2 - O segredo de Seu Lunga (Eduardo Loureiro Jr - Brasília/DF)

Cat 3 - O dono da rua (Keyla Magalhães Moreira de Santana - Rio de Janeiro/RJ)


LOCAL

Cat 1 - Zelda - a bruxa do século XXI (Marivete Souta)

Cat 2 - O lado do coelho (Flávio Fanucchi)

Cat 3 - O segredo de Jonas (Jaqueline Slotuk)

Resultado - XXXV Concurso Literário Felippe D´Oliveira

Total de Trabalhos Inscritos: 674
Crônica: 164 Conto: 220 Poesia: 290
Estados Participantes:
RS, SC, PR, SP, RJ, BA, SE, MG, PE, DF, AM, PA, AL, TO, MT, MG e CE.


PREMIADOS CATEGORIA CRÔNICA:

1º Lugar: UM PRESENTE ANTIQUADO - Whisner Fraga – Araraquara/SP

2º Lugar: O PASSADO A DEZ PASSOS – Giuliaqna Matiuzzi Seeriz / Santa Maria/RS

3º Lugar: FACULDADES MENTAIS - Alessandro Soares – São José/SC


PRÊMIO INCENTIVO LOCAL:
CAPITÃES DA RUA – Diego Trindade Hahn – Santa Maria/RS

1º Menção: SINESTESIA,OXIMORO E ANADIPLOSE – João Paulo Lopes de Meira Hergessel – Alumínio/SP
2º Menção: O RIO NEGRO É O OLHAR DE UMA INDIA – Edileuza Bezerra de Lima Longo – São Paulo/SP
3º Menção: TAPETES – André Telucazu Kondo – Caraguatatuba/SP

COMISSÃO JULGADORA DE CRÔNICA:
VALÉRIA IESEN BORTOLUZZI – Doutora em Estudos Lingüísticos e Professora do Curso de Letras da UNIFRA
RENATA DE FILEPPE - Doutora em Teoria da Literatura e Professora do Curso de Letras da UFSM


PREMIADOS CATEGORIA CONTO:

1º Lugar: FRAGMENTOS DE CORTÁZAR – Iuri Almeida Múller – Santa Maria/RS

2º Lugar:REENCONTRO – Vitor Otávio Fernardes Biasoli – Santa Maria/RS

3º Lugar:TRISTE ENGANO – Edileuza Bezerra de Lima Longo – São Paulo/SP.


MENÇÕES HONROSAS:
1º Menção: TESTE DE VIRGINDADE – Raimundo Nonato Albuquerque Silveira – Fortaleza/CE
2ª Menção: TESÃO – Herbert Paes de Barros Mercer – São José de Rio Preto/SP
3ª Menção: UM PEDIDO – Alexandra Lopes da Cunha – Porto Alegre /RS

COMISSÃO JULGADORA DO CONTO:
VERA ELIZABETH PROLA FARIAS - Drª em Literatura e Profª, Curso de Letras da UNIFRA
ANSELMO PERES ALÓS – Dr. em Letras - Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Professor Adjunto I no Curso de Letras na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
ANTONIO CÂNDIDO A. RIBEIRO – Escritor, Contista, Advogado ,Procurador da Fazenda Nacional


PREMIADOS CATEGORIA POESIA:

1º Lugar: CECOGRAMAS – Luiz Alfredo Santos – Belo Horizonte /MG

2º Lugar: OBRA DE FÉ SEM LUTO – Eder Rodrigues - Pouso Alegre /MG

3º Lugar: TERESÓPOLIS – Rosana Banharoli – Santo André /SP


PRÊMIO INCENTIVO LOCAL
DAS MEDIDAS – Odemir Paim Peres Junior – Santa Maria/RS

MENÇÕES HONROSAS:
1º Menção: DELÍRIO – Alberto Luiz Bresciani de Fontan Pereira – Brasilia /DF
2ª Menção: PANACÉIA – José Carlos Barbosa de Aragão – Belo Horizonte/MG

COMISSÃO JULGADORA POESIA:

ENI CELDÔNIO - Mestre em Letras e Profª Curso de Letras UFSM
LETÍCIA RAIMUNDI FERREIRA – Professora, Escritora e Poeta. Graduada em de Letras na UPF, onde lecionou Lingua Francesa, e o Mestrado em Teoria da Literatura na UFSM. É detentora da Cadeira nº9 da Academia Santa-Mariense de Letras.
EVANDRO CALDEIRA - Professor, Poeta e Ensaísta, Licenciado em Letras – Português/Inglês pela FAFRA (atual UNIFRA) e Bacharel em Desenho e Plástica pela UFSM. Mestre e Doutor da Teoria da Literatura na PUCRS. Sócio fundador da Academia Santa-Mariense de Letras , Secretário geral e membro da Comissão Editorial, sendo detentor da Cadeira nº 12.


Coordenação Geral – Iara Druzian - Secretária de Município da Cultura
Coordenação Executiva – Rosangela Rechia – Dirigente da Biblioteca Pública Municipal
Henrique Bastide
Apoio - Câmara de Vereadores de Santa Maria

Dúvidas, Respostas e Dicas - Editais FBN / Funarte

por Raquel Cozer


Está chegando o fim do prazo de inscrições para as Bolsas BN/Funarte de Criação e Circulação Literária, e a caixa de comentários do meu post sobre o assunto, assim como minha caixa de e-mail, não para de receber dúvidas. Uma delas eu mesma criei (ops): o prazo para elaboração do livro agraciado é de seis meses, não de um ano –que é o prazo de validade do edital.

Como nunca participei de edital do gênero, mandei para a Biblioteca Nacional questões que os próprios leitores não ajudaram a responder. As dúvidas são de leitores; as respostas, da BN:

Se o autor é iniciante num gênero, mas já publicou em outro, há impedimento?
Podem ser inscrever para o edital de Criação Literária escritores com até dois livros publicados com ISBN. Se a pessoa não tem nenhum livro publicado, ela se encaixa perfeitamente no critério para proponente e pode apresentar projeto. Se a pessoa já tem livro de literatura com autoria principal publicado com ISBN, o número desses títulos não pode ultrapassar dois, independentemente do gênero das publicações.

Textos técnicos, acadêmicos e científicos não serão considerados no cômputo. Igualmente não serão consideradas as obras nas quais o proponente não tem autoria principal.

O que significa “produto final da proposta a ser desenvolvida”?
Nessa parte, o proponente especifica o tipo de obra, o título e o gênero da mesma.

No item “vias encadernadas contendo texto de autoria do proponente, entre 15 e 20 páginas”, mando uma amostra do que pretendo escrever no livro?
O texto de autoria do proponente pode ser preenchido com um texto, vários textos ou partes deles, de qualquer gênero, de autoria do proponente, de acordo com seu interesse, desde que respeitando o limite de páginas. Podem ser textos publicados ou não. Não deve conter trechos da obra para a qual o proponente pede a bolsa, pois esta deverá ser criada durante os seis meses de bolsa. A obra tem que ser inédita. Os textos serão usados pela Comissão de Seleção para avaliar a qualidade literária do texto do proponente.

Fui me informar sobre a documentação para quem for classificado. Mas a certidão a ser emitida pela Receita (Certidão Negativa de Débitos de Tributos e Contribuições Federais) não pode ser emitida, o site não permite. A única certidão possível para pessoas físicas é a Certidão Conjunta de Débitos Relativos a Tributos Federais e à Dívida Ativa da União.
Quanto à certidão, trata-se do mesmo documento, a saber, Certidão Negativa de Débitos Federais – Pessoa Física. A Certidão Conjunta de Débitos Relativos a Tributos Federais e à Dívida Ativa da União será emitida quando for verificada a regularidade fiscal do sujeito passivo quanto aos tributos administrados pela Secretaria da Receita Federal do Brasil – RFB e quanto à Dívida Ativa da União administrada pela Procuradoria Geral da Fazenda Nacional – PGFN .

A regularidade fiscal, no âmbito da RFB, caracteriza-se pela não existência de pendências cadastrais, de débitos em nome do sujeito passivo e, ainda, de não constar como omisso quanto à entrega: a) da Declaração de Ajuste Anual do Imposto de Renda das Pessoas Físicas (DIRPF); b) da Declaração do Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural (DITR), se estiver obrigada a sua apresentação; c) da Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte (DIRF), se estiver obrigada à sua apresentação.” Para acessar a certidão, clique aqui.

***

Aqui, dicas de quem já esteve envolvido com os editais:

Fernanda de Aragão, que ganhou a bolsa em 2010 sem ter livros publicados antes –ela concorreu pelo Sudeste, concorrendo com mais de 1.500 candidatos para 30 bolsas.

“Passado um ano da entrega do original à Funarte, ainda estou em voltas com o livro para publicar um bom material. Infelizmente, não fui um dos cinco contemplados para publicação pela Funarte. Outras pessoas tinham mais experiência em montar um livro de contos como unidade. O processo de publicação foi feito depois que todos os agraciados com a bolsa enviaram seus trabalhos finalizados, seis meses depois. Escolheram um livro de cada região do país.”

“Escrevi um projeto completo, como se fosse de doutorado. Era o único tipo de projeto que eu sabia escrever –no caso, troquei o pensamento de pesquisa para escrita. Meu projeto foi escrito com uma única temática, todos os contos seguindo uma mesma linha, para dar unidade. Em cima desse tema norteei as justificativas. Ao final, inclui um conto longo e trechos.”

Carlos Henrique Schroeder, também agraciado em 2010:

“As respostas não precisam ser acadêmicas e formais, pode responder de maneira coloquial (só cuide com os erros de português). E use referências, tipo: o romance que estou desenvolvendo se assemelha na pesquisa ao que o Fulano da Antuérpia fez no século passado no romance tal… E cite autores bacanas também, isso é importante. Não confunda objetivo e justificativa: o primeiro é onde você quer chegar, e o segundo por que você acha que deve fazer isto.”

De um ex-membro da comissão julgadora:

“Os projetos, em sua maioria, resultam muito parecidos, impessoais e técnicos, com alguma ou outra coisa que desperta a atenção, o enredo, uma proposta linguística etc. Os avaliadores dão importância ao texto literário que os proponentes mandam como exemplo.”

O leitor Vitor da Silva e Souza deu o caminho das pedras das fichas de inscrições, que muita gente não encontrava, e de documentos sobre a composição dos projetos.

31.12.2012 - 1º Prêmio SFX de Literatura - 2013

Informações:
a) Concurso de Contos e Poesias

Premiação:
I) Publicação em coletâneas (20 exemplares para cada autor)

Prazo: 31 de Dezembro de 2012

Fonte:
http://www.jac-editora.blogspot.com.br


Organização:
JAC Editora

Contato e Dúvidas:
Rua São Paulo, 218, Vila Maria – CEP 12.209-430 – São José dos Campos – SP
3928-1555


Regulamento:
Clique na imagem abaixo para ampliá-la


Ficha de Inscrição:

Promoção Memórias Inventadas - Portal Literal

* Hoje é o último dia, mas só descobrimos a promoção hoje mesmo!

No dia do lançamento oficial do romance Sagrada Família, de Zuenir Ventura, durante a Festa Literária Internacional de Paraty, o Portal Literal, com apoio da Editora Alfaguara, lançou a promoção Memórias Inventadas – Conte uma história familiar para o Portal Literal.

Mande um conto ou crônica de no máximo 3 mil caracteres para literal.portal@gmail.com, até o dia 31 de julho. No título da mensagem escreva: “sagrada família”.
Os três melhores textos, escolhidos por nossa equipe, ganharão livros autografados por Zuenir e serão publicados no Portal Literal.

O resultado será divulgado no Portal no dia 15 de agosto.


Fonte:

30 de julho de 2012

30.11.2012 - Prêmio Cataratas de Contos e Poesias

Informações:
a) Concurso de Contos e Poesias

Premiação:
I) Em cada categoria - Nacional: 1º - R$1.200 / 2º - R$800,00 / 3º - R$500,00
II) Em cada categoria - Local: 1º - R$700,00 / 2º - R$500,00 / 3º - R$300,00

Prazo: 30 de Novembro de 2012


Fonte:
Recebido por e-mail


Organização:
Fundação Cultural de Foz do Iguaçu

Contato e Dúvidas:
(45)3521-1308


Regulamento:
1. Estarão abertas, de 01 de agosto a 30 de novembro de 2012, as inscrições para o Concurso de Contos e Poesias "Prêmio Cataratas".

2. Podem participar do Concurso, escritores que ancaminharem à Fundação Cultural de Foz do Iguaçu 1(um) conto e/ou 1(uma) poesia, escrita em português ou espanhol.

3. A inscrição compreende a recepção da OBRA e da FICHA DE IDENTIFICAÇÃO do participante, encaminhados dentro de um só envelope, dirigidos à

Fundação Cultural de Foz do Iguaçu, rua Benjamin Constant, 62
CEP: 85.851-380 - Foz do Iguaçu - PR
Concurso “ Prêmio Cataratas “

3.1. AOBRA deverá ser identificada somente com o título e PSEUDÔNIMO do autor, em 4 (quatro) vias impressas em folha A4.

3.2. A FICHA DE IDENTIFICAÇÃO estará disponível no site descrito no item 15.

4. O envelope acima deverá ser entregue na Fundação Cultural ou enviado pelo Correio, com data de postagem até o dia 30 de novembro de 2012.

5. O envio de mais de um Conto ou mais de uma Poesia e o não preenchimento de todos os dados na FICHA DE IDENTIFICAÇÃO, implicará a desclassificação do participante.

6. A temática e estilo são LIVRES.

6.1 O limite de cada Conto é de 6 (seis) páginas, e o de cada Poesia é de 2 (duas) páginas. Os textos devem ser redigidos em folha A4, corpo 12, espaço 1,5 (entrelinhas) e fonte Times ou Arial.

7. Serão conferidos prêmios em espécie para: “Prêmio Cataratas":

7.1. - 1º lugar R$ 1.200,00 (um mil e duzentos reais);
7.2. - 2º lugar R$ 800,00 (oitocentos reais);
7.3. - 3º lugar R$ 500,00 (quinhentos reais);
7.4. - 1º lugar (local) R$ 700,00 (setecentos reais);
7.5. - 2º lugar (local) R$ 500,00 (quinhentos reais);
7.6. - 3º lugar (local) R$ 300,00 (trezentos reais).

8. Os prêmios serão oferecidos para as categorias Conto e Poesia.

9. A Fundação Cultural premiará os participantes residentes em Foz do Iguaçu - Paraná, nas duas categorias.

10. Os 10 (dez) primeiros colocados de cada categoria receberão Certificado de Participação.

REGULAMENTO

11. Os participantes premiados deverão receber os prêmios pessoalmente ou através de representante legal, durante a cerimônia de premiação, no Salão Internacional do Livro - 2013.

12. A Fundação Cultural viabilizará até 2 (duas) hospedagens e 6 (seis) alimentações para os 3 (três) primeiros escritores premiados em ambas as categorias, não residentes na cidade de Foz do Iguaçu.

13. A seleção se realizará por Comissão designada pela Fundação Cultural, composta de 3 (três) pessoas da área de literatura.

14. A Comissão Julgadora terá plena autonomia de julgamento, não cabendo recursos sobre as decisões.

15. O resultado do concurso será divulgado na imprensa local, na Sede da Fundação Cultural de Foz do Iguaçu e no site www.fozdoiguacu.pr.gov.br acessando o link da Fundação Cultural.

16. As obras e todo o material produzido decorrente do concurso serão de uso exclusivo da Fundação Cultural de Foz do Iguaçu, sem qualquer ônus para a mesma.

17. A participação no concurso implica a plena aceitação das normas constantes neste Regulamento.

18. Casos omissos, não previstos neste Regulamento, serão resolvidos pela Fundação Cultural, através de equipe designada pela Diretoria Executiva.

Premiados em 2011 - acesse o site www.pmfi.pr.gov.br


Ficha de Inscrição:
http://bit.ly/ficha-cataratas

29 de julho de 2012

10.10.2012 - I Concurso de Vídeo Poema Augusto dos Anjos

Informações:
a) Concurso de Poesias (em vídeo)
b) Tema: Livro "Eu" de Augusto dos Anjos
c) Diversas categorias

Premiação:
I) R$26.000,00 (para serem divididos conforme o regulamento) e um laptop

Prazo: 10 de Outubro de 2012


Fonte:
http://www.joaopessoa.pb.gov.br/91265/


Organização:
Fundação Cultural de João Pessoa

Contato e Dúvidas:
Telefones: (83) 3218-9811
E-mail: funjopeinforma@joaopessoa.pb.gov.br


Regulamento:
As inscrições para o I Concurso de Vídeo Poema Augusto dos Anjos começam na próxima segunda-feira (23) e podem ser realizadas por correspondência ou presencialmente. O concurso é nacional e irá selecionar 20 trabalhos. A iniciativa, anunciada no mês passado, é da Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope) em comemoração ao centenário do livro “Eu”, do poeta paraibano Augusto dos Anjos. Serão mais de R$ 26 mil em premiação. As inscrições seguem até o dia 10 de outubro.

Critérios
O concurso é focado na temática do livro “Eu”. Os vídeos selecionados vão compor uma mostra e serão incorporados ao acervo da Funjope. A escolha dos trabalhos passa por duas fases. A primeira delas é a habilitação, de caráter eliminatório. A segunda diz respeito à avaliação do trabalho propriamente dito.

Poderão se inscrever pessoas físicas, brasileiras ou naturalizadas. Precisa ser maior de 18 anos de idade para concorrer nas categorias de “Melhor Vídeo Poema” (paraibanos ou radicados na Paraíba), “Melhor Vídeo Poema/Produção Nacional” (qualquer região do País) e “Revelação Regional/Nordeste” (para estados nordestinos).

O concurso também dá oportunidade para pessoas físicas maiores de 17 anos, que podem concorrer na categoria “Produção Universitária” (apenas para alunos regularmente matriculados em instituição pública de ensino superior). Enquanto isso, a categoria “Estudante da Rede Municipal de Ensino de João Pessoa” fica reservada para indivíduos matriculados na rede municipal de ensino, com idade superior a 14 anos.

Inscrições e premiação
As inscrições podem ser realizadas de 23 de julho a 10 de outubro por correspondência ou presencialmente. No primeiro caso, é preciso postar com Aviso de Recebimento (AR). Para isso, o concorrente deve identificar e lacrar o envelope, contendo o material e a documentação exigida no edital do concurso, de nº 04/2012, disponível no portal da Prefeitura (www.joaopessoa.pb.gov.br).

O endereçamento postal deverá ser para a Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope), situada na rua Duque de Caxias, nº 352, Centro, João Pessoa, Paraíba, CEP 58010-821. Se a inscrição for presencial, basta o interessado se dirigir à sede da Fundação, pela manhã ou à tarde, das 8h às 12h e das 14h às 17h.

Os primeiros colocados nas categorias “Melhor Vídeo Poema Paraibano”, “Melhor Vídeo Poema/Produção Nacional”, “Revelação Regional/Nordeste” e “Produção Universitária” receberão R$ 10 mil, R$ 8 mil, R$ 5 mil e R$ 3 mil, respectivamente. Enquanto isso, o vencedor na categoria “Estudante da Rede Municipal de Ensino de João Pessoa” ganhará um laptop.

28 de julho de 2012

Final do Mês de Julho e Concursos do Mês de Agosto

Ainda há muitos concursos abertos em Julho.
Além disso, já está organizado o resumo com os Concursos do Mês de Agosto!

Organize-se, participe e boa sorte!


30.07.2012 - Prêmio Casa de Rui Barbosa
Informações:
a) Concurso de Monografias (entre 100 e 300 laudas)
b) Tema livre, mas deve ser desenvolvida com conteúdo do acervo da Casa de Rui Barbosa
Premiação
I) 1º: R$ 9.000,00 / 2º: R$ 6.000,00


30.07.2012 - Prorrogado - 3º Prêmio Agostinho de Cultura
Informações:
a) Concurso de Literatura Infanto-Juvenil
b) 5 categorias (separadas por faixa etária do público)
Premiação
I) Publicação do livro (R$2.000,00 a título de direito autoral)


31.07.2012 - Prêmio Bunkyo de Literatura 2012
Informações:
a) Concurso de livros de Poesia
b) Obras editadas nos anos de 2010 e 2011


31.07.2012 - Prêmio Henry Evaristo de Literatura Fantástica
Informações:
a) Concurso de Contos
b) Gênero: Terror
c) Inscrição por E-mail
Premiação
I) Publicação em e-Book
II) 1 º lugar: 13 livros; 2 º lugar: 9 livros; 3 º lugar: 7 livros; 4 º lugar: 4 livros; 5 º lugar: 3 livros; 6º ao 10º: 2 livros


31.07.2012 - Prêmio SESC de Contos Infantis Monteiro Lobato
Informações:
a) Concurso de Contos voltados para o público infantil
Premiação
I) 1º – R$ 2.000,00 / 2º – R$ 1.500,00 / 3º – R$ 1.000,00
II) Publicação em antologia
III) Passagem e hospedagem para os três primeiros


31.07.2012 - Prêmio SESC de Poesia Carlos Drummond de Andrade
Informações:
a) Concurso de Poesias
Premiação
I) 1º – R$ 2.000,00 / 2º – R$ 1.500,00 / 3º – R$ 1.000,00
II) Publicação em antologia
III) Passagem e hospedagem para os três primeiros


31.07.2012 - Prêmio SESC de Contos Machado de Assis
Informações:
a) Concurso de Contos
Premiação
I) 1º – R$ 2.000,00 / 2º – R$ 1.500,00 / 3º – R$ 1.000,00
II) Publicação em antologia
III) Passagem e hospedagem para os três primeiros


31.07.2012 - Prêmio SESC de Crônicas Rubem Braga
Informações:
a) Concurso de Crônicas
Premiação
I) 1º – R$ 2.000,00 / 2º – R$ 1.500,00 / 3º – R$ 1.000,00
II) Publicação em antologia
III) Passagem e hospedagem para os três primeiros

27 de julho de 2012

20.09.2012 - Prêmio FEUC de Literatura

Informações:
a) Concurso de Poesias
b) Categorias: aluno FEUC / Nacional

Premiação:
I) Em cada categoria: 1º lugar: R$ 400,00 / 2º lugar: R$ 300,00 / 3º lugar: R$ 200,00

Prazo: 20 de Setembro de 2012


Fonte:
Recebido por e-mail


Organização:
Fundação Educacional Unificada Campograndense

Contato e Dúvidas:
premio@feuc.br


Regulamento:
JUSTIFICATIVA: a FEUC, Fundação Educacional Unificada Campograndense, realiza, através do seu Centro Cultural, o PRÊMIO FEUC DE LITERATURA – versão 2012, com o objetivo de incentivar a criação artística e premiar seus autores.

CATEGORIAS:

– 1: Aluno da FEUC (matriculados na Faculdade, na Pós-graduação, no CAEL ou no Colégio Magali);
– 2: Âmbito Nacional (todos que não estejam matriculados na FEUC).

MODALIDADE: poema.

TEMA: de livre escolha para as duas categorias.

APRESENTAÇÃO: obra digitada no Word; fonte Times New Roman; tamanho 12; espaço simples; máximo de 30 versos.

QUANTIDADE: um poema por candidato.

INSCRIÇÃO: de 20 de julho a 20 de setembro de 2012.

ENVIO: só serão aceitos poemas enviados por e-mail para o endereço: premio@feuc.br

IDENTIFICAÇÃO: abaixo do poema, colocar o pseudônimo e a categoria.

FICHA DE INSCRIÇÃO: no mesmo arquivo do poema, enviar as seguintes informações: nome, pseudônimo, título do poema, categoria, endereço completo, cep, telefone, e-mail; não é necessário
enviar currículo.

JULGAMENTO: a comissão julgadora selecionará os melhores trabalhos, os quais estarão classificados para a final do concurso. Os nomes dos jurados serão divulgados em ocasião oportuna.

PREMIAÇÃO:

– Categorias 1 e 2:
1º lugar: R$ 400,00 e certificado.
2º lugar: R$ 300,00 e certificado.
3º lugar: R$ 200,00 e certificado.

RESULTADO:

– Classificados na 1ª etapa: na 1ª quinzena de novembro de 2012;

– Vencedores do concurso: na 1ª quinzena de dezembro de 2012.

DIVULGAÇÃO DO RESULTADO: todos os inscritos serão comunicados por e-mail, tanto sobre a classificação na 1ª etapa, quanto sobre a final do concurso.

MAIS INFORMAÇÕES:

1. Caso seja editada uma antologia com as obras classificadas, a FEUC se reserva o direito de distribuí-la para entidades culturais e/ou vendê-la para ressarcimento de custos, como também publicar essas obras em outras edições.

2. As antologias serão dadas aos candidatos, a título de direitos autorais, na seguinte disposição em cada categoria:
– 1º lugar: 5 exemplares;
– 2º lugar: 5 exemplares;
– 3º lugar: 5 exemplares.
– demais classificados: 2 exemplares para cada um.

3. Os livros editados serão entregues ao autor (ou ao seu representante) pessoalmente. A FEUC não se responsabiliza pelo envio das antologias através do correio. Se o autor quiser receber seus livros pelo correio, deve arcar com as despesas desse procedimento.

4. Os trabalhos enviados não serão devolvidos.

5. A inscrição neste concurso corresponde à aceitação plena deste regulamento. O não-cumprimento do mesmo resultará a desclassificação do candidato.

6. Os casos omissos neste regulamento serão resolvidos pela comissão organizadora do concurso.


Modelo da Ficha de Inscrição:

NOME:
PSEUDÔNIMO:

TÍTULO DO POEMA:
CATEGORIA:

ENDEREÇO COMPLETO:
Rua:
Nº:
Bairro:
Cidade:
Estado:
Cep:

TELEFONE:
E-MAIL:

26 de julho de 2012

Notícia - Programa Viagem Literária - São Paulo

Programa cadastra autores e contadores de histórias para eventos que acontecerão nos meses de outubro, novembro e dezembro

A Secretaria de Estado da Cultura está cadastrando autores de livros de ficção e contadores de histórias (individuais ou grupos) interessados em participar do programa Viagem Literária 2012, que acontecerá nos meses de outubro, novembro e dezembro.

Viagem Literária é um programa de incentivo à leitura realizado pela Secretaria com o apoio das bibliotecas públicas de 70 municípios paulistas. São realizados encontros do público local com autores e contadores de histórias.

Esses eventos buscam aproximar pessoas que se relacionam no universo da leitura e da literatura, e estimular o vínculo entre leitores e sua biblioteca pública local.

Lançado em 2008, o programa integra um conjunto de ações afirmativas do Governo do Estado que incluem o apoio à atualização de acervos, o suporte à melhoria das práticas de gestão e da qualidade de atendimento das bibliotecas públicas municipais e ações de informação e capacitação de recursos humanos como política efetiva de formação de novos leitores e incentivo à leitura.

Transformar as bibliotecas em ambientes propícios à leitura e reflexão cultural também exige investimentos para o fomento de novas ideias para que sejam alcançados os principais objetivos do programa: difundir o gosto pela leitura e dar suporte à transformação das bibliotecas em centros de vivência sociocultural e de exercício pleno da cidadania.

Os interessados deverão inscrever-se até 7 de agosto de 2012, enviando carta ou e-mail contendo currículo e comprovantes de sua atuação como autor ou contador de histórias para a SECRETARIA DE ESTADO DA CULTURA – UNIDADE DE BIBLIOTECAS E LEITURA, nos endereços abaixo:

Por carta
Unidade de Bibliotecas e Leitura
Secretaria de Estado da Cultura
Rua Mauá, 51 - 2º andar
São Paulo-SP / CEP: 01028-900

Por e-mail

Os profissionais/grupos cadastrados integrarão de um banco de dados e serão avaliados pela equipe de produção do Viagem Literária, podendo ser posteriormente contratados para integrar a programação oficial. O processo é semelhante ao adotado na seleção de trabalhos para o Circuito Cultural e Virada Cultural Paulista.


Fonte:

07.09.2012 - 2º Concurso Literário - Piquete Chama Nativa

Informações:
a) Concurso de Poesias e Causos

Prazo: 07 de Setembro de 2012


Fonte:
Recebido por e-mail


Organização:
Piquete Chama Nativa

Contato e Dúvidas:
piquetechamanativa@ghc.com.br


Regulamento:
O Piquete Chama Nativa do Grupo Hospitalar Conceição, torna público que estão abertas as inscrições do seu 2º Concurso Cultural Literário, normatizado pelo seguinte regulamento:

1) As inscrições são gratuitas e estão abertas até a data de 07 de Setembro de 2012;

2) As modalidades do Concurso são: Poesia e Causo;

3) Serão aceitas inscrições apenas via internet, exclusivamente pelo e-mail:
piquetechamanativa@ghc.com.br

4) O tema do concurso é livre para ambas as modalidades, porém, deverá abordar a história, lendas, tradições, usos, costumes e vocabulário do Rio Grande do Sul;

5) O poema deve ser inédito, não havendo limite de versos ou linhas;

6) O Causo deve ser inédito, não havendo limite de páginas;

7) Nos trabalhos deverá constar apenas o pseudônimo do autor e a modalidade concorrente. Em anexo deve ser enviado documento constando, para fins de contato: Nome do autor, endereço, telefone convencional, telefone celular e e-mail;

8) Os trabalhos deverão ser enviados em Word, modelo A4, fonte Arial, tamanho 12;

9) Cada autor poderá concorrer com até dois trabalhos em cada modalidade, ou seja, dois poemas e dois causos;

10)Os trabalhos serão julgados por comissões especializadas, indicadas pela instituição promotora do concurso;

11)PREMIAÇÃO: Os trabalhos selecionados do 1º ao 5º lugar receberão medalha. Os trabalhos classificados em 1º, 2º e 3º lugares receberão Medalha e Troféu;

12)
Os resultados serão proclamados e os prêmios conferidos em solenidade especial, dia 15 de setembro de 2012, no Galpão do Piquete Chama Nativa, em Porto Alegre, durante a realização do Acampamento Farroupilha 2012.

Porto Alegre, 01 de Julho de 2012.

Piquete Chama Nativa
piquetechamanativa@ghc.com.br

Notícia - Man Booker Prize anuncia lista de semifinalistas

PublishNews - 26/07/2012 - Carlo Carrenho

Entre os doze autores das obras selecionadas, apenas três possuem livros traduzidos no Brasil

O mundo literário esperou ansiosamente durante o dia de ontem o anúncio da lista de semifinalistas (longlist) do Man Booker Prize. Bastava acompanhar as menções de @ManBookerPrize no twitter para perceber que literatas, escritores e editores de todos os cantos anglófilos do mundo aguardavam notícias sobre quem seriam os 12 escolhidos. Finalmente por volta das 3 da tarde, horário de Brasília, a lista dos livros semifinalistas foi divulgada.

O Man Booker Prize é o maior prêmio de literatura do Reino Unido para livros de ficção. Desde 1969, a honraria é concedida para um romance publicado ao longo dos últimos doze meses, sempre acompanhada de um cheque de valor considerável. Atualmente o prêmio é de 50 mil libras esterlinas para o ganhador, e há um prêmio simbólico de 2.500 libras para os seis finalistas. Mas o dinheiro do prêmio não é o mais importante. Para o autor e editora do livro vencedor, a premiação é garantia certa de um estouro de vendas na Inglaterra e em outros países de fala inglesa. O Man Booker Prize, no entanto, só é concedido para escritores da Comunidade Britânica, da longínqua Austrália e do continental Canadá à isolada Santa Helena e às disputadas Malvinas. Os EUA, portanto, sempre ficaram de fora. Aliás, já são lendárias as histórias de editores norte-americanos que fazem de tudo para tentar provar que seus autores teriam cidadania de algum país da Comunidade Britânica e, assim, poderiam concorrer ao Booker.

Os doze semifinalistas de 2012 foram escolhidos de uma lista de 145 obras e incluem quatro romances de estreia, três editores independentes e uma escritora que já ganhou o prêmio anteriormente, Hilary Mantel. Dos doze escritores, sete são homens, cinco são mulheres, nove são britânicos, um é sul-africano e os outros dois são originalmente da Índia e da Malásia – embora cidadãos britânicos, de acordo com as regras do prêmio.

Sobre a seleção, Peter Stothard, presidente do júri comentou: “Bondade, loucura e mudanças urbanas perturbadoras estão entre os temas da lista de semifinalistas deste ano. Em um ano extraordinário para a ficção, os ‘doze do Man Booker´ provam o apego firme que o romance tem no nosso mundo. Nós não decidimos rejeitar a velha guarda, mas, depois de um ano de argumentação crítica sustentável feita por um exigente júri, o novo emergiu com força.”

Esta é a lista dos 12 semifinalistas:

Nicola Barker, The Yips(Fourth Estate)
Ned Beauman, The Teleportation Accident (Sceptre)
André Brink, Philida(Harvill Secker)
Tan Twan Eng, The Garden of Evening Mists (Myrmidon Books) Michael Frayn, Skios(Faber & Faber)
Rachel Joyce, The Unlikely Pilgrimage of Harold Fry(Doubleday)
Deborah Levy, Swimming Home (And Other Stories)
Hilary Mantel, Bring up the Bodies(Fourth Estate)
Alison Moore, The Lighthouse (Salt)
Will Self, Umbrella(Bloomsbury)
Jeet Thayil, Narcopolis(Faber & Faber)
Sam Thompson, Communion Town(Fourth Estate)

Apenas três escritores da lista já foram publicados no Brasil. Michael Frayn teve sua obra Espiões, semifinalista do Booker de 2002, lançada em 2005 pela Companhia das Letras. Já Hilary Mantel, que concorre a seu segundo Booker, é autora da Record, que já publicou seis de suas obras, incluindo Wolf Hall, que faturou a láurea inglesa em 2009. Finalmente, Self Will possui duas obras traduzidas pela Geração Editorial – Minha ideia de diversão e Cock & Bull – equatro pela Alfaguara – Como vivem os mortos, Os grandes símios, A guimba e O livro de Dave.

Uma curiosidade é que este ano será a segunda vez que Michael Frayn e Self Will disputam o Booker como semifinalistas. Em 2002, o primeiro concorreu com Espiões e o segundo com Dorian, mas ambos não chegaram a lista final daquele ano que teve A vida de Pi, de Yann Martel, como vencedor.

A lista de finalistas com os seis livros selecionados será anunciada no próximo dia 11 de setembro. Já o vencedor será conhecido apenas no dia 16 de outubro.

31.08.2012 - 22º Prêmio Moutonnée de Poesia

Informações:
a) Concurso de Poesias
b) Cadetogias: Adulta / Juvenil

Premiação:
I) Adulta: 1º colocado: R$ 2.000 / 2º colocado: R$ 1.500 / 3º colocado: R$ 1.000 / 4º e 5º colocados: R$ 500 cada
II) Juvenil: 1º colocado: R$ 1.000 / 2º colocado: R$ 800 / 3º colocado: R$ 500
III) Publicação em coletânea

Prazo: 31 de Agosto de 2012


Fonte:
https://docs.google.com/open?id=1zYItlyh6nlrjIsbRpQv4Xwa2AEQKPtpIIeN3ge_tSwaMMnGdsSDqkwmf8brx


Organização:
Biblioteca Pública Municipal de Salto

Contato e Dúvidas:
Rua Monsenhor Couto, 127, centro – Salto/SP – CEP 13.320-210


Regulamento:
As inscrições para a 22ª edição do prêmio Moutonnée de Poesia seguem até o dia 31 de agosto. Cada poema concorrente deverá ser enviado em três vias digitadas, em papel formato ofício, com espaço dois e utilizando apenas uma das faces da folha. Os poemas deverão, também, ser gravados em CD e enviados junto das cópias.

Os trabalhos deverão ser assinados com pseudônimo. O nome do concorrente (identificação do poeta) deve aparecer em apenas uma das cópias de cada poema: nome completo, pseudônimo utilizado, endereço, data de nascimento, RG, CPF, telefone para contato e e-mail, se houver. A falta de dados implica em desclassificação.

Também é solicitado que o candidato informe a presença e participação das atividades programadas no dia. Os poemas devem ser endereçados para XXII Prêmio Moutonnée de Poesia/2012 – Biblioteca Pública Municipal de Salto. Rua Monsenhor Couto, 127, centro – Salto/SP – CEP 13.320-210.

Prêmio Moutonnée de Poesia

Em sua 22ª edição, o prêmio Moutonnée de Poesia, além de revelar novos poetas, valorizar o gênero poético e incentivar talentos literários, promoverá um dia de encontro entre poetas e interessados objetivando lazer, cultura, trocas de experiências e atividades que associem poesia com outras artes.

A partir das 14 horas, do dia 10 de novembro, acontecerão diversas manifestações artísticas, programadas para fazer parte do dia festivo, incluindo atividades de rascunheiros, passeios turísticos, sarau, música, exposição. Todos que desejarem poderão trazer obras próprias para expor (livros ou textos para serem colocados em varais expositores).

Tema e categorias

Categorias: adulta e jovem (de 11 a 16 anos).

Ambas categorias concorrem com temas livres, não precisam versar sobre a rocha moutonnée. Cada concorrente pode inscrever até dois poemas inéditos (sem publicação ou premiação, sob pena de desclassificação). Poderão participar quaisquer pessoas de todos os estados da federação.

Julgamento e premiações

Os trabalhos serão julgados por docentes ou literatos competentes para tanto. Cada participante receberá apenas uma premiação, que ocorrerá no dia 10 de novembro, às 20h30, na Sala Palma de Ouro.

Na categoria adulta, serão oferecidos prêmio em dinheiro e troféu esculpido em granito, similar da rocha moutonnée

1º colocado: R$ 2.000
2º colocado: R$ 1.500
3º colocado: R$ 1.000
4º e 5º colocados: R$ 500 cada

Serão ainda atribuídos dez ou mais troféus de menções honrosas, a critério do júri.

Na categoria juvenil, serão oferecidos prêmios em dinheiro mais troféu

1º colocado: R$ 1.000
2º colocado: R$ 800
3º colocado: R$ 500

Troféus especiais para 4º e 5º colocados, além de cinco menções honrosas.

Cada participante receberá apenas uma premiação. O resultado somente será divulgado apenas no dia da solenidade de premiação. Os prêmios em dinheiro só serão entregues aos vencedores presentes na solenidade de premiação.

Os trabalhos premiados serão publicados em uma antologia, juntamente com os trabalhos premiados em 2011, uma vez que a publicação é bianual.

25 de julho de 2012

30.08.2012 - 8ª Olimpíada de Redação de Jundiaí

Informações:
a) Concurso de Redações
b) Diversos temas e categorias
c) Voltado a residentes em Jundiaí e região

Premiação:
I) Em cada categoria: 1º - R$4.000 + livros / 2º - R$3500 + livros / 3º - R$3.000 + livros / 4º ao 12º - livros

Prazo: 30 de Agosto de 2012


Fonte:
https://docs.google.com/document/d/1BVedktKKe8pYjVJ7zu-DyWEcWOhP8PtBrOlmk5jLZX4


Organização:
Biblioteca Pública Municipal “Prof. Nelson Foot”

Contato e Dúvidas:
Avenida Dr. Cavalcanti no 396, Complexo Argos, Sala Cecília Meireles, Jundiaí, SP, CEP 13201-003


Regulamento:
8ª Olimpíada de Redação
TEMA: “A superação é resultante da constante busca pelo que desejamos, apesar das dificuldades e obstáculos que encontramos no meio do caminho.”
Realizar-se-á a 8º edição da Olimpíada de Redação, criada pela Lei Municipal no 6.039, de 6 de maio de 2003, a ser promovida pela Biblioteca Pública Municipal “Prof. Nelson Foot”, órgão vinculado à Secretaria Municipal de Educação e Esportes da Prefeitura do Município de Jundiaí, observado o seguinte regulamento:

1. A Olimpíada estará aberta a todos os interessados residentes no Município de Jundiaí e região, ficando vedada a participação de funcionários que sejam, sob qualquer forma, subordinados aos órgãos e pessoas responsáveis pela organização do evento e pelo julgamento dos trabalhos.

2. As redações (textos em prosa) deverão ser inéditas e ter no máximo, 50 linhas.
“Eu sou aquela mulher que fez a escalada da montanha da vida, removendo pedras e plantando flores.” (Cora Coralina)
Com base nesta reflexão, as redações deverão respeitar o seguinte tema: “A superação é resultante da constante busca pelo que desejamos, apesar das dificuldades e obstáculos que encontramos no meio do caminho”. Tal tema será transformado em subtemas, a fim de permitir a participação de crianças, jovens e adultos, obedecendo as seguintes categorias e respectivas faixas etárias.
a) Categoria pré-mirim (de 6 a 8 anos a completar até a entrega do texto)
“Atire a primeira pedra quem nunca sentiu aquele friozinho na barriga assim que entrou numa sala de aula pela primeira vez. Isso é normal. Não fique se achando um bobo por se sentir assim. Isso é causado por um simples motivo: você pensa sempre no que os outros vão achar de você.”
(Jornal Mingau Digital)
Muitas vezes uma situação nova nos dá um pouco de medo. Como superá-lo? Conte a sua história. Para você, como foi enfrentar o desafio dos primeiros dias de aulas? Quais as melhores lembranças desse período? Quem o ajudou a superar aquele momento tão especial? Solte sua imaginação, recorra às suas lembranças e escreva sem receio.
b) Categoria mirim (de 8 a 10 anos completos até a entrega do texto)
Futuro querido diário: “Essa história de ter hora pra tudo deixa a gente meio cheia de vez em quando, sabe? É hora de acordar, hora de ir para a escola... é hora que não acaba mais...”
(Adaptado de Se...será...Serafina. Cristina Porto. Ática, SP)
“Eu tenho que achar um lugar para esconder as minhas vontades, o que eu penso. Não digo vontade magra, pequenininha, que nem tomar sorvete a toda hora... vontade assim todo mundo pode ver! Mas as outras – as que vão crescendo e engordando toda vida – ah, essas eu não quero mais mostrar. De jeito nenhum.”
(Adaptado de A bolsa Amarela. Lygia Bojunga Nunes. Agir,RJ)
Escreva você também uma página de diário. Produza seu texto como se estivesse conversando com você mesmo. Nele, conte alguma coisa que você gostaria muito de conquistar, mas para isso precisa superar o medo ou aquela vergonha que dá de enfrentar as pessoas.
c) Categoria infantil (de 11 a 14 anos completos até a entrega do texto)
Lyman Frank Baum, lançou em maio de 1900 O Mágico de Óz, considerada a primeira narrativa norte–americana do gênero fantástico. Trabalha a coragem e a superação para que seus personagens alcancem seus objetivos.
Características dos personagens:
Doroty – sonhadora
O leão – tem como característica sua covardia, que na verdade é medo.
O Espantalho – na esperança de ter um cérebro, o que procura já tem, a inteligência.
O Homem de Lata – quer um coração, mas a companhia dos amigos e as adversidades que enfrentam já lhe mostram que a amizade e o companheirismo tomam lugar de qualquer coração.
Nesta onírica viagem, Dorothy e seus amigos viverão uma experiência que mudará suas vidas para sempre... No final, acaba-se por revelar que tudo era um sonho de Doroty.
Faça uma narrativa em 1a pessoa associando os personagens da história de O Mágico de Oz a alguma situação real ou imaginária vivenciada por você, na qual a amizade, a colaboração de amigos, a coragem e a inteligência o ajudaram a superar um grande obstáculo.
d) Categoria juvenil (de 15 a 17 anos completos até a entrega do texto)
“ Ser livre ...é agir segundo a nossa cabeça e o nosso coração, mesmo tendo que partir esse coração e essa cabeça para encontrar um caminho... é não viver obrigatoriamente entre quatro paredes. Por isso meninos atiram pedras e soltam papagaios. A pedra inocentemente vai até onde o sonho das crianças deseja ir...”
(Cecília Meirelles, Escolha seu sonho. Record, RJ)
“É preciso a certeza de que tudo vai mudar. É necessário abrir os olhos e perceber que as coisas boas estão dentro de nós... pois a vida está nos olhos de quem sabe ver... Se não houve frutos, valeu a beleza das flores. Se não houve flores, valeu a sombra das folhas. Se não houve folhas, valeu a intenção da semente.
(Henfil)
Com base nos textos apresentados e considerando o tema central desta Olimpíada, posicione o seu ponto de vista sobre o subtema: A persistência é algo incomum aos jovens. Construa sua dissertação.
Use argumentos convincentes que justifiquem sua opinião, pois você poderá concordar ou não com a afirmativa proposta.
e) Categoria adulta (a partir de 18 anos completos até a entrega do texto)
No meio do caminho tinha uma pedra tinha uma pedra no meio do caminho tinha uma pedra no meio do caminho tinha uma pedra.
Nunca me esquecerei desse acontecimento na vida de minhas retinas, tão fatigadas. Nunca me esquecerei que no meio do caminho tinha uma pedra tinha uma pedra no meio do caminho no meio do caminho tinha uma pedra.
(Carlos Drummond de Andrade)
“Pedras no caminho? Guardo todas. Um dia vou construir um castelo”
(Fernando Pessoa)
As intempéries da vida são constante no cotidiano do ser humano e diante dos problemas, o homem se transforma em um ser resiliente, adquire o poder de ter uma conduta sã num ambiente de difícil superação, ou seja, nutre-se da capacidade de sobrepor-se e construir-se positivamente frente às adversidades. Com base nos textos apresentados, construa uma crônica, cujo sucesso ocorreu, pois foram superadas as dificuldades com persistência e ousadia.

3. Cada participante poderá inscrever uma obra, em duas vias (original e uma cópia), respeitando a proposta e o número de linhas, podendo ser manuscrita ou digitada na fonte Times New Roman, tamanho 11, entrelinhas simples e em uma face de papel tamanho A4 sulfite.

4. A redação não poderá conter qualquer identificação pessoal e/ou escolar do candidato. O texto deverá ser entregue somente com a identificação da categoria (adulto, juvenil, infantil, mirim ou pré-mirim). A identificação do (a) autor(a) será feita na ficha de inscrição e virá dentro de um envelope fechado, junto com a redação. A identificação dos trabalhos será feita através de critério numérico objetivo ou assemelhado.

5. O prazo para inscrição será no período de 23/05 a 30/08/2012, durante o expediente da Biblioteca.

6. Não serão aceitos trabalhos enviados após o término do prazo.

7. As redações deverão ser enviadas à Biblioteca Pública Municipal “Prof. Nelson Foot”, situada na Avenida Dr. Cavalcanti no 396, Complexo Argos, Sala Cecília Meireles, Jundiaí, SP, CEP 13201-003, pessoalmente ou via postal. Para os textos enviados via correio será considerada a data de postagem, que não poderá ultrapassar o prazo de encerramento das inscrições.

8. Serão selecionadas 12 redações por categoria, no total de 60 textos.

9. A premiação dos participantes selecionados se dará da seguinte forma:
a) R$ 4.000,00 (quatro mil reais) para o primeiro colocado de cada categoria,
mais livros e certificados;
b) R$ 3.500,00 (três mil e quinhentos reais) para o segundo colocado de cada
categoria, mais livros e certificados;
c) R$ 3.000,00 (três mil reais) para o terceiro colocado de cada categoria, mais
livros e certificados;
d) Os classificados da 4a até a 6a colocação receberão livros, certificados e
medalhas;
e) Os classificados da 7a a 12a colocação receberão livros e certificados.
f) Todos os demais inscritos receberão certificados via correio.

10. A sessão solene de entrega dos prêmios está prevista para realizar-se em 22/11/2012 no Complexo Comendador Antônio Carbonari “Parque da Uva”, em horário a ser definido.

11. Serão eliminadas as redações que não estiverem de acordo com o regulamento.

12. Nenhuma redação será devolvida e os trabalhos vencedores serão publicados em livro e expostos em varal literário ou atividade afim.

13. A Comissão julgadora será composta de membros especialistas na área de educação e literatura.

14. Caberá à Comissão Julgadora avaliar os trabalhos concorrentes, proclamar os vencedores, impugnar os trabalhos que não se enquadrarem nas condições estipuladas.

15. A Comissão julgará as redações com base em critérios de adequação ao tema e subtemas, a coerência e a modalidade de linguagem.

16. Os casos omissos no presente regulamento serão resolvidos pela Comissão Organizadora, cuja decisão será soberana.

Resultado - Concurso Literário Itanhaém das Letras

Poesias:

RODRIGO LADEIRA, de Itanhaém, foi o grande vencedor com a poesia “A Ponte de Itanhaém”

ROBINSON SILVA ALVES, da cidade de Coaraci - BA, com a poesia “Namorada do Sol" ficou em 2º Lugar.

JACQUELINE LOPES SALGADO SOARES, da cidade de Belo Horizonte - MG, com a poesia "Itá-nha'e", ficou com o 3º lugar.


Contos/Crônicas:

ANDRÉ TELUCAZU KONDO, da cidade de Caraguatatuba - SP conquistou o 1º Lugar com o Conto "Chá"

BENE OLCOR, de Santos - SP, com o conto "A Vó da Estação" ficou em 2º Lugar

PEDRO LUIZ DIAS GALUCCHI, de São Paulo - SP, com o conto "Martin e Hans - Um Telefonema", ficou com o 3º lugar.


Fonte:
Recebido por e-mail



Aproveito o ensejo para comunicar que o mais novo membro da equipe do blog Concursos Literários é justamente o André Kondo, primeiro colocado na categoria Contos/Crônicas. Para saber mais sobre o André e sobre os outros 11 membros da equipe que administra o blog, acesse:
http://concursos-literarios.blogspot.com/p/equipe-do-blog.html

10.08.2012 - Concurso Maricá em Verso e Prosa

Informações:
a) Concurso de textos em verso ou em prosa
b) Categorias: Estudante - infantil / juvenil - e Adulto
c) Inscrições pessoalmente, por correios ou e-mail

Premiação:
I) Publicação em coletânea

Prazo: 10 de Agosto de 2012


Fonte:
http://www.marica.com.br/2012/mail/1907verso.htm


Organização:
Instituto Brasileiro de Cultura Internacional
Academia de Letras e Artes de Maricá

Contato e Dúvidas:
inbrascirj@gmail.com
centrocultural.emr@gmail.com


Regulamento:
O Instituto Brasileiro de Cultura Internacional – InBrasCI e Academia de Letras e Artes de Maricá, através do Centro de Produção Cultural – Espaço Mestre Raladinho, torna público as inscrições para o Concurso Literário "Maricá em Verso & Prosa" A partir de 01 de julho de 2012 à 10 de agosto de 2012. O Concurso terá 03 modalidades:

INSCRIÇÕES:

a) A participação estará aberta a todos os brasileiros natos e naturalizados, residentes no território nacional, observado a letra "b" das DISPOSIÇÕES GERAIS.
b) As inscrições estarão abertas de 01/07/2012 a 10/08/2012, Os interessados poderão se inscrever por carta, pessoalmente ou através de email.

1) Por carta ou pessoalmente: Encaminhar os textos assinados com pseudônimo, em envelope grande lacrado, sem identificação pessoal, (a identificação virá em folha separada, devidamente identificada com o nome do autor, pseudônimo e título da obra colocada em envelope menor, lacrado) para o endereço:

CONCURSO MARICA EM VERSO & PROSA
Centro de Produção Cultural – Espaço Mestre Raladinho
Rodovia Amaral Peixoto, 72 – Km 27
Maricá - RJ
CEP.: 24.900-000
Referencia: Antigo Casarão Cultural – em frente ao posto Shell- Mataruna

2) Por email: Encaminhar os textos assinados com pseudônimo, sem identificação pessoal e no assunto TEXTO e CATEGORIA e enviar para o email centrocultural.emr@gmail.com, em outro email, colocar a identificação pessoal, (nome do autor, pseudônimo) e título da obra, e no assunto IDENTIFICAÇAO, anexar a ficha de inscrição e enviar para o email inbrascirj@gmail.com.

c) Teremos 03 categorias de inscrição:
ESTUDANTE:
• Infantil – até 14 anos
• Juvenil – entre 15 e 18 anos.
ADULTO – acima de 18 anos, estudante ou não.

d) Cada participante poderá concorrer sem limite para o número de obras inscritas.
e) Os originais deverão ser inéditos e escritos em língua portuguesa. Entende-se por inédito o original não editado e não publicado (parcialmente ou em sua totalidade) em antologias, coletâneas, suplementos literários, jornais, revistas, sites e publicações do gênero.

f) Os textos inscritos por carta ou email, deverão ser encaminhados obedecendo aos seguintes critérios:
- Ficha de Inscrição da Obra, devidamente preenchida,
- Digitaçao em papel tamanho A4
- ESPAÇAMENTO 1,5 entre as linhas;
- FONTE: Times New Roman ou Arial, TAMANHO: 12;
- Constando apenas o título no início de cada lauda, com a numeração das mesmas, sem nome, somente PSEUDÔNIMO, não ultrapassando 02 (duas) laudas cada texto.

g) Em envelope menor, lacrado, anexar as seguintes informações:
Na parte externa do envelope
- nominação do concurso: MARICÁ EM VERSO & PROSA
- categoria: ESTUDANTE (INFANTIL ou JUVENIL) ou ADULTO
- No interior do envelope: Ficha de Inscrição no Concurso, devidamente preenchida e assinada pelo autor ou seu responsável;
No caso de inscrição via email, colocar no email do texto a categoria e no email da identificação anexar a ficha de inscrição [como não há modelo, sugerimos que façam um documento no word (.doc) com nome, endereço, telefone e e-mail].

JULGAMENTO

Os textos serão julgados por uma comissão de alto nível literário, composta por Poetas do Instituto Brasileiro de Culturas Internacionais, da Associação Internacional Poetas Del Mundo, e personalidades atuantes na cultura da Cidade, cuja decisão será soberana, à qual não cabem recursos sobre o resultado do concurso.
As obras serão analisadas e os vencedores serão conhecidos no dia 15/08/2012.

DOS PREMIOS

a) Os melhores textos serão publicados em uma edição especial editada pelo InBrasCI. A entrega será realizada em 26/08 em local ainda a ser definido, cabendo aos selecionados 10 unidades, a título de direitos autorais desta edição.
b) Do restante dos exemplares, será distribuído gratuitamente em bibliotecas, escolas, instituições e associações comunitárias.
c) Aos 15 melhores classificados, além da participação na edição do livro, receberão medalhas conforme abaixo:
CATEGORIA ESTUDANTE INFANTIL: 05 medalhas
CATEGORIA ESTUDANTE JUVENIL: 05 medalhas
CATEGORIA ADULTO: 05 medalhas
d) Dos jovens estudantes, os 07 melhores colocados no nível de 1º grau e os 08 melhores colocados no nível de 2º grau, receberão a distinção de "Jovem Acadêmico", com recebimento de medalha, pelerine e ingresso na Academia de Letras e Artes de Maricá, pelo período de 01 ano.
e) A entrega dos prêmios e o lançamento do livro serão no dia 26/08/2012, em local ainda a ser definido pelos realizadores.

DISPOSIÇÕES FINAIS

a) As inscrições fora das normas do concurso não serão aceitas.
b) Não poderão participar do concurso, funcionários do Centro de Produção Cultural – Mestre Raladinho, membros do InBrasCI e AIPOM, e seus parentes em primeiro e segundo grau. Os poetas destas instituições poderão e deverão participar como convidados, não concorrendo no certame, mas abrilhantando a obra.
b) Os textos e os demais documentos entregues na inscrição não serão devolvidos após o concurso.
c) É de responsabilidade exclusiva do concorrente a observância e regularização de toda e qualquer questão relativa aos direitos autorais sobre a obra inscrita.
d) Este edital atende ao disposto na Lei Federal nº 9.610 de 12/02/1998 sobre os direitos autorais.
e) Os autores das obras selecionadas automaticamente autorizam a publicação das mesmas na edição do Livro do concurso.
f) Os premiados concordam e permitem a divulgação de seu nome e imagem para a divulgação do concurso, sem qualquer ônus para os realizadores.
g) Os participantes declaram estar cientes e de acordo com este regulamento.
h) Os casos omissos neste regulamento serão resolvidos pelos organizadores.
i) O conteúdo dos textos originais poderão ser de narrativa de ficção ou relatos históricos da cidade de MARICÁ, no formato poesia, soneto, prosa, trova ou verso ou ainda em crônica.
j) A identificação dos originais deverá ser feita por meio de pseudônimo, e todas as cópias deverão ser identificadas somente pelo pseudônimo. Paralelamente, em envelope lacrado e identificado com o pseudônimo, o participante deverá apresentar seus dados pessoais (nome completo, endereço, telefone, e-mail, número de RG e CPF, profissão).
k) Poderão ser inscritos originais com ilustrações já inseridas, porém apenas o texto será julgado. Havendo publicação da obra, os organizadores poderão optar por ilustrá-la segundo critérios próprios de editoração ou não.
l) Os originais em desacordo com essas normas serão desclassificados.
m) A decisão da comissão é irrevogável.
n) A festa de premiação do Concurso Maricá em Verso & Prosa, ocorrerá em 26/08/2012 em local definido pelos organizadores.
o) Participarão da edição também, poetas já consagrados, convidados pela organização, para abrilhantar ainda mais a Antologia de MARICÁ EM VERSO & PROSA.

Concurso Cultural #LIVRODABIENALSP

Você participa da criação coletiva de um livro e ainda pode ganhar ingressos para visitar a Bienal do Livro de São Paulo.

Os participantes enviarão os complementos através do Twitter utilizando o hashtag: #LIVRODABIENALSP.

A história que está sendo escrita poderá ser acompanhada em www.bienaldolivrosp.com.br
Acesse @bienaldolivrosp e participe!


O Concurso acontece todo no twitter, de 23/07 a 08/08. O curador Marcelino Freire dará início ao concurso, postando um micro capitulo do livro da bienal de São Paulo e você precisa continuar a história em apenas 1 post.

A melhor continuação dá sequência ao livro, e assim por diante até 08/08.

A cada dia será divulgado um microcapítulo do livro.
Os autores dos microcapítulos publicados ganharão 1 par de ingressos para a Bienal do Livro de São Paulo.

Ao final do concurso, o livro completo poderá ser baixado no site: www.bienaldolivrosp.com.br

24 de julho de 2012

Notícia - Inscrição de obras para o PNLD-EJA começa em agosto

PublishNews - 24/07/2012 - Redação

Prazo de inscrição se inicia em 8 de agosto e vai até 8 de março de 2013

Será aberto em 8 de agosto próximo o período para cadastramento e pré-inscrição de títulos no Programa Nacional do Livro Didático para a Educação de Jovens e Adultos (PNLD-EJA) referente ao ano letivo de 2014. O prazo se estenderá até 8 de março do ano que vem. A etapa seguinte, de entrega das obras e da documentação exigida, está prevista para o período de 18 a 26 de março, também de 2013.

As obras serão destinadas aos educadores e alunos da educação de jovens e adultos do Programa Brasil Alfabetizado (PBA), das escolas federais e das redes de ensino estaduais, municipais e do Distrito Federal.

No processo de inscrição, os interessados devem indicar a caracterização da obra. Estão estabelecidas cinco categorias. A primeira, destinada à alfabetização de jovens e adultos das entidades parceiras do Programa Brasil Alfabetizado (PBA) e aos alunos de escolas públicas que mantenham turmas exclusivamente de alfabetização de jovens e adultos. A segunda, para os anos iniciais do ensino fundamental, compreendendo as etapas ou ciclos de alfabetização e subsequentes. A terceira, para os anos iniciais do ensino fundamental. A quarta, para os anos finais da mesma etapa do ensino. A quinta, para o ensino médio.

O cadastramento das obras pelos detentores de direitos autorais deve ser feito na página do Sistema de Material Didático (Simad) na internet. As normas de inscrição e prazos constam do edital do programa.


Fonte:

Resultado - Concurso Literário “Foed Castro Chamma” - ALACS

A Academia de Letras Artes e Ciências do Centro Sul do Paraná (ALACS) está divulgando o resultado do seu Concurso Literário 2012 que, em comemoração aos 10 anos de fundação da entidade, recebeu o título do poeta iratiense “Foed Castro Chamma”.

Com tema livre para todas as modalidades propostas para o concurso, a competição literária iratiense recebeu inscrições nas categorias trova (lírica ou filosófica), soneto (decassílabo), haicai, poema livre (máximo de 20 linhas), crônica (máximo de 30 linhas) e peça teatral.
A presidente da ALACS, Luiza Nelma Fillus, calcula que aproximadamente 400 trabalhos de Irati e várias cidades do Brasil foram inscritos na atual edição do concurso, que é bianual.
Haverá premiação com troféus para os três vencedores e certificados para os seis vencedores em cada modalidade, em sessão especial que acontecerá no dia 22 de setembro de 2012, às 15h30, no Centro Cultural Clube do Comércio.
O Concurso Literário é uma promoção da ALACS, com apoio da Fundação Denise Stoklos, Prefeitura de Irati, Núcleo Regional de Educação, Unicentro, Grêmio Haicai Chão dos Pinheirais, Centro Cultural Clube do Comércio, Braspol Núcleo Irati e União Brasileira de Trovadores Seção Irati.

Trovas - tema livre
1º Lugar: Maria Helena Oliveira Costa (Ponta Grossa - PR)
2º Lugar: Lucília Alzira Trindade Decarli (Bandeirantes - PR)
3º Lugar: Lucília Alzira Trindade Decarli (Bandeirantes - PR)
4º Lugar: Maria Helena Oliveira Costa (Ponta Grossa - PR)
4º Lugar: Jessé Nascimento (Angra dos Reis - RJ)
5º Lugar: Maria Helena Oliveira Costa (Ponta Grossa - PR)

Trovas: menção honrosa - ordem alfabética
Amélia Marcionila Raposo da Luz (Pirapetinga - MG)
Geraldo Trombin (Americana - SP)
Jessé Nascimento (Angra dos Reis - RJ)
Lucília Alzira Trindade Decarli (Bandeirantes - PR)

Sonetos - tema livre
1º Lugar: Elipse - Cris Dakinis (São Pedro da Aldeia - RJ)
1º Lugar: Navio de Sombras - Maygon André Molinari (Irati - PR)
2º Lugar: Papel de Confeito - Reginaldo Costa Albuquerque (Campo Grande - MS)
3º Lugar: Caminho Azul – Cris Dakinis (São Pedro da Aldeia - RJ)

Haicais - tema livre
1º Lugar: Josiane Aparecida Gelinski (Irati - PR)
2º Lugar: Maria Julia Fauat (Irati - PR)
3º Lugar: Vera Lucia Alessi (Irati - PR)
4º Lugar: Jesuelson Neves (Irati - PR)
5º Lugar: Larissa dos Santos (Irati - PR)
6º Lugar: Enisionete Padilha (Irati - PR)

Haicais: menção honrosa - ordem alfabética
Eduarda Vieira (Irati - PR)
Isis Eduarda Tomal Pereira (Irati - PR)
Jessica Kochinski (Irati - PR)
Laisla Marcela de Oliveira (Irati - PR)
Leonardo Chasco (Irati - PR)

Poemas - tema livre
1º Lugar: O Verbo - Rogério Luz (Rio de Janeiro - RJ)
2º Lugar: No Poço - Hernany Luiz Tafuri Ferreira Júnior (Juiz de Fora - MG)
3º Lugar: Livre Estudo para o Gato - Adriano Apocalypse de Almeida Cirino (Belo Horizonte - MG)
3º Lugar: Enxurrada - Tatiana Alves Soares Caldas (Rio de Janeiro - RJ)
3º Lugar: Vela - Cris Dakinis (São Pedro da Aldeia - RJ)
4º Lugar: A Palavra - Rogério Luz (Rio de Janeiro - RJ)
5º Lugar: Cir.Concisão - Geraldo Trombin (Americana - SP)
6º Lugar: As Palavras - Rogério Luz (Rio de Janeiro - RJ)

Poemas - menção honrosa - ordem alfabética
Finitude - Maria Apparecida Coquemala (Itararé - SP)
As Manhãs de Minha Vida - Renato Ostrowski (Campo Magro - PR)

Crônicas - tema livre
1º Lugar: A Coveira - Renato Vieira Ostrowski (Campo Magro - PR)
2º Lugar: Puberdade e Literatura - Renato Vieira Ostrowski (Campo Magro - PR)
3º Lugar: Noite Feliz - Tatiana Alves Soares Caldas (Rio de Janeiro - RJ)
4º Lugar: João - Ingrid Aparecida Ditzel Felchak (Ivaí - PR)

Crônicas - menção honrosa - ordem alfabética
Cinzas - Ingrid Aparecida Ditzel Felchak (Ivaí - PR)
Nem Toda Nudez Será Castigada - José Antonio de Sousa Neto (Belém - PA)
Da janela - Marlene da Silva Leal (Rio de Janeiro - RJ)

Peça teatral – tema livre
1º Lugar: Quase Suicida - Maygon André Molinari (Irati - PR)
1º Lugar: O Côncavo e o Convexo - Maygon André Molinari (Irati - PR)
2º Lugar: Implosão - Talita Baldin (Irati - PR)
3º Lugar: Nas Margens do Rio Mágico - Maygon André Molinari (Irati - PR)

Menção honrosa - ordem alfabética
Na Chuva de Girassóis há um Homem Chamado Taras Chevtchenko - Edson Santos Silva (Irati - PR)
Na Sala de espera - Pedro Franco (Rio de Janeiro - RJ)

Fonte: