31 de janeiro de 2013

01.04.2013 - VII Premio Luis Adaro de Relato Corto (Espanha)

Informações:
a) Concurso de Contos (escritos em espanhol)
b) Inscrição por e-mail

Premiação:
I) 1.500 €

Prazo: 1º de Abril de 2013


Fonte:
http://escritoresnoveles.wordpress.com/2012/12/12/vii-premio-luis-adaro-de-relato-corto/


Organização:
Asociación de Escritores Noveles (AEN)

Contato e Dúvidas:
info@asociacionescritoresnoveles.es
@PremioLuisAdaro
http://www.facebook.com/PremioLuisAdaroDeRelatoCorto


Regulamento:
La Asociación de Escritores Noveles (AEN), con el patrocinio de Adaro Tecnología, S.A., y la colaboración del Departamento de Literatura Española, Teoría de la Literatura y Literatura Comparada de la Universidad de Murcia, y del diario El Comercio convoca el VII Premio Luis Adaro de Relato Corto.

Bases

Participantes
1.- Podrán participar los autores que lo deseen, españoles o extranjeros, siempre que los trabajos se presenten escritos en lengua castellana.
2.- Cada autor podrá presentar solamente un trabajo original con una extensión mínima de 3 páginas y máxima de 8 páginas, por una sola cara, en formato DIN A-4, con interlineado de 1,5 y tipo de letra Times New Roman de 12 puntos.

Dotación
3.- Se establece un único premio por un importe de mil quinientos euros (1.500 €) más una cuota anual gratuita de socio de la Asociación de Escritores Noveles. Sobre esta cantidad se practicará las retenciones legales pertinentes.
4.- Si en el transcurso de la convocatoria, y antes del fallo del jurado, algún relato participante es proclamado ganador de otro concurso, el autor estará obligado a notificarlo a la organización del VII Premio Luis Adaro de Relato Corto.

Condiciones Generales
5.- Los relatos deberán ser originales e inéditos y no haber sido publicados (incluido internet) ni premiados en ningún concurso literario.
6.- El tema será de libre elección y cada concursante podrá enviar un único original.
7.- Los trabajos se podrán enviar solo por email.
• Para participar a través de correo electrónico. Se enviará en un único correo dos documentos adjuntos en formato Word. En uno constará el título del relato y se adjuntará el texto en documento Word. En otro documento adjunto, también en Word, constará el título del relato y la palabra “PLICA” y en él se incluirá el nombre, apellidos, dirección, teléfono, correo electrónico, y fotocopia del DNI o documento similar que acredite la identidad del autor. Los envíos por correo electrónico se harán a la dirección siguiente: info@asociacionescritoresnoveles.es.
8. – El plazo de admisión de los trabajos finalizará el 1 de Abril de 2013 a las 24:00 horas, hora peninsular.
9.- Constituyen el jurado figuras de reconocido prestigio en el mundo cultural y literario. La Asociación de Escritores Noveles nombrará, al menos, una persona como representante que formará parte del jurado.
10.- El fallo del jurado se dará a conocer durante la segunda quincena del mes de septiembre de modo expreso y personal al autor del texto ganador. También se anunciará en los medios de comunicación a nivel nacional, en nuestra página web: http://www.asociacionescritoresnoveles.es y en el blog de la asociación: http://escritoresnoveles.wordpress.com así como a través de las redes sociales y canales digitales de comunicación.
11.- Todas las obras presentadas serán propiedad de sus autores.
12.- Si durante el periodo de selección, el Jurado comprobara que alguna de las obras seleccionadas hubiera sido objeto de un premio literario con anterioridad o estuviese publicada en algún medio digital o impreso, ésta quedaría automáticamente eliminada de la selección.
13.- El Jurado se reserva la posibilidad de declarar desierto el premio si las obras presentadas al mismo no reúnen una calidad literaria contrastada y manifiesta de acuerdo a la categoría del certamen.
14.- Las obras presentadas que reflejen faltas ortotipográficas serán automáticamente excluidas.
15.- La Asociación de Escritores Noveles no confirmará la recepción de originales, pero sí responderá los envíos que reciba con solicitud de confirmación de lectura.
16.- No se devolverá ningún trabajo presentado a concurso, siendo destruidos los que no hayan sido galardonados.
18.- La participación en el concurso supone la plena aceptación de las presentes bases y para cualquier otra decisión sobre el mismo queda facultada la Junta Directiva de la Asociación de Escritores Noveles, cuya decisión será inapelable.

02.02.2013 - 9º Concurso de Poesias Expresso das Letras

Informações:
a) Concurso de Poesias
b) Inscrições por E-mail

Premiação:
I) Troféus e medalhas

Prazo: 2 de Fevereiro de 2013


Fonte:
E-mail enviado pelos organizadores


Organização:
Editora Revolução Cultural
Academia de Letras e Artes de Porto Alegre

Contato e Dúvidas:
expressoletras@yahoo.com.br


Regulamento:
Estão abertas a partir de 02/01/2013 as inscrições para o tradicional Concurso de Poesias Expresso das Letras.

As poesias devem ser enviadas para:
expressoletras@yahoo.com.br, indicando no campo assunto a frase “Concurso poético”.

Finalidade da ação
Tendo como objetivo incentivar a produção literária em Porto Alegre e no interior do estado, a Editora Revolução Cultural em Parceria com a Academia de Letras e Artes de Porto Alegre está promovendo a 9ª edição do Concurso literário Expresso das Letras. O concurso é aberto a todos os interessados, independente da idade, sendo os trabalhos inéditos, somente na categoria poesia. Veja o regulamento.

* podem participar autores de qualquer região do país - e mesmo de outros países;

Inscrições
Serão realizadas no período de 02/01/13 a 02/02/13, devendo os textos serem enviados somente via e-mail com nome completo do autor, idade, pseudônimo, fone de contato, cidade onde reside, e-mail e currículo (máximo 5 linhas). Só há uma modalidade de inscrição: poesia. Tema: amor. Aqui se fala de amor de uma forma geral: amor entre duas pessoas, amor à natureza, amor à família, etc.

A inscrição será gratuita. Só uma poesia por concorrente e inédita. Quem quiser inscrever três poesias deverá doar 1 livro* para a biblioteca comunitária que inauguraremos em 2013.

* por não considerar a doação de um livro como uma efetiva taxa de inscrição, mas sim como apoio a um projeto de incentivo à leitura, resolvemos divulgar este certame.

Premiação

Premiação: troféus para os vencedores (1º, 2º e 3º lugar) e medalhas para menções honrosas (6). As poesias premiadas ficarão em exposição durante 15 dias no saguão da Biblioteca Pública Estadual. Além disso as 9 poesias premiadas serão publicadas na Antologia realizada pela Academia de Letras e Artes de Porto Alegre em setembro de 2013.

Mostre seu trabalho! Participe e divulgue. Viva a poesia!

A publicação dos premiados não é cobrada.

02.04.2013 - Concurso Literário Centenário de Álvaro Lins

Informações:
a) Concurso de Ensaios
b) Tema: Alvaro Lins
c) Inscrição por e-mail

Premiação:
I) 1º - R$ 1.500,00 / 2º - R$1.000,00 / 3º - R$500,00

Prazo: 2 de Abril de 2013


Fonte:
http://www.asces.edu.br/downloads/28_12_2012_10_58_01d56a4a6599e422b6bcdfa5d39ebb71.pdf


Organização:
o Instituto Histórico de Caruaru, Faculdade ASCES e FAFICA

Contato e Dúvidas:
centenarioalvarolins@gmail.com


Regulamento:
Apresentação
Nascido em Caruaru, a 14 de dezembro de 1912, Álvaro de Barros Lins tem uma trajetória marcada por seus feitos literários e políticos. O Concurso Literário é uma iniciativa conjunta do Instituto Histórico de Caruaru, Faculdade ASCES e FAFICA, no marco da celebração do centenário deste ilustre caruaruense, a fim de premiar textos inéditos acerca de sua vida e obra e promover o reconhecimento de seu legado.

Inscrições
Serão aceitos ensaios inéditos sobre a vida e obra de Álvaro Lins, com extensão mínima de 50 laudas, escritas com fonte Times New Roman, e espaçamento 1,5. Os textos devem ser enviados em formato pdf e conter título próprio.
O/a autor/a do trabalho deve ter mais que 18 anos. Serão aceitos trabalhos em coautoria de até 3 (três) autores/as.
As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas entre 14/12/2012 e 02/04/2013, por meio do envio do ensaio e da ficha de inscrição (em anexo neste edital) preenchida para o e-mail:
centenarioalvarolins@gmail.com .
O trabalho deve conter, além da capa com título e identificação de autores/as, folha de rosto em que conste somente o título do trabalho e pseudônimo.

Julgamento
Os trabalhos serão avaliados por Comissão Julgadora indicada pelas instituições promotoras do Concurso Literário. Integram a Comissão:
• Antônio Vieira da Rocha Filho, médico, educador e escritor;
• Edson Tavares de Lima, professor e escritor;• Pe. Everaldo Fernandes da Silva, mestre, educador e escritor;
• Humberto Pimentel França, historiador e escritor;
• José Veridiano dos Santos, professor, historiador e escritor.
Em caso de impossibilidade de participação de um de seus membros, a Comissão estará apta a realizar a devida substituição.
A Comissão Julgadora atribuirá o prêmio a 3 (três) obras e poderá indicar menções honrosas.
O critério para a seleção das obras premiadas é o mérito literário, sendo a decisão da Comissão Julgadora soberana e não suscetível de apelo.

Premiação
Serão divulgados os trabalhos premiados no dia 14/05/2013, através dos websites da Faculdade ASCES (www.asces.edu.br) e da FAFICA (www.fafica.com).
A premiação será de R$ 1.500,00 para o primeiro lugar, R$1.000,00 para o segundo lugar e R$500,00 para o terceiro lugar.


Ficha de Inscrição:
http://www.asces.edu.br/downloads/28_12_2012_10_58_01d56a4a6599e422b6bcdfa5d39ebb71.pdf

30 de janeiro de 2013

Parceiros do Blog

A Coordenação do Livro e Leitura de Porto Alegre publicou uma nota sobre nossa conquista no Prêmio Top Blog.

Responsável pelo Prêmio Açorianos de Criação Literária, pelo Poemas no Ônibus e no Trem, pelo Concurso Histórias de Trabalho e por tantos outros projetos interessantes, a CLL é uma grande parceira deste blog e dos autores de Porto Alegre, do Rio Grande do Sul e de todo o país.

Agradecemos pela parceria e pelo reconhecimento que ecoou pela nota abaixo:


27.04.2013 - Concurso Lusófono da Trofa - Conto Infantil - Prémio Matilde Rosa Araújo (Portugal)

Informações:
a) Concurso de Contos Infantis (e Ilustrações)
b) O prazo final refere-se ao recebimento dos textos (e não à remessa pelos correios)
c) Aberto a autores dos seguintes países: Portugal, Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor

Premiação:
I) 1º geral - € 1.500 / 1º nos outros países: € 400

Prazo: 27 de Abril de 2013


Fonte:
http://www.mun-trofa.pt/filecontrol/site/Doc/REGULAMENTO%20CLT%202013.pdf


Organização:
Câmara Municipal da Trofa
Casa da Cultura da Trofa

Contato e Dúvidas:
cct@mun-trofa.pt


Regulamento:
SECÇÃO I
Introdução
1.º A Câmara Municipal da Trofa, através do Pelouro da Cultura, organiza, anualmente, um Concurso Literário destinado a promover obras de Literatura Infantil.

SECÇÃO II
Disposições gerais

SUBSECÇÃO I
Objetivos
2.º São objetivos deste concurso:
a) Criar e/ou consolidar hábitos de leitura
b) Criar e/ou consolidar hábitos de escrita
c) Promover a escrita criativa/valorizar a expressão literária
d) Divulgar autores de língua oficial portuguesa dos seguintes países: Portugal, Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor.

SUBSECÇÃO II
Entidade promotora
3.º A entidade promotora é a Câmara Municipal da Trofa - Pelouro da Cultura, com o apoio do Camões - Instituto da Cooperação e da Língua, I.P.

SUBSECÇÃO III
Objeto
4.º Este concurso destina-se a promover e a consolidar hábitos de leitura e de escrita criativa, através de uma atividade que estimule um envolvimento efetivo da população.

SUBSECÇÃO IV
Destinatários
5.º O concurso destina-se a cidadãos - escritores ou não.
5.º a) Não poderão concorrer cidadãos escritores com mais de três obras publicadas na área da Literatura Infantil.
6.º Serão admitidos a concurso cidadãos dos países de língua oficial portuguesa e ainda cidadãos naturalizados e estrangeiros cuja situação de permanência no país esteja devidamente legalizada e com residência comprovada há mais de 2 (dois) anos, até ao dia 31 de Dezembro de 2012.
7.º O participante assumirá o compromisso de conhecer e cumprir este Regulamento e acatar as decisões adotadas pelo Pelouro da Cultura, entidade responsável pelo planeamento, coordenação e direção do Concurso.

SUBSECÇÃO V
Prémios
8.º O Concurso Lusófono da Trofa - Conto Infantil - Prémio Matilde Rosa Araújo concederá os seguintes prémios:
Prémio Matilde Rosa Araújo, no valor de € 1.500 (mil e quinhentos euros), para o Melhor Conto.
Prémio Lusofonia, no valor de € 400 (quatrocentos euros), para o Melhor Conto a ser atribuído a cada país que não seja contemplado com o prémio Matilde Rosa Araújo.
Prémio Ilustração, no valor de € 500 (quinhentos euros). Os ilustradores concorrerão com um número de três a cinco ilustrações subordinadas ao seguinte excerto da obra de Matilde Rosa Araújo, As Fadas Verdes:

“PORQUÊ?
Com as mãos sobre a terra
Fiz o pino e vi peixes de prata no céu
Estrelas de oiro sobre o mar
O céu era verde e azul também
Remavam remadores
No mar e no céu
Anjos e pescadores
Porque dormes minha Mãe
E me embalas a sonhar?”

9.º O Vencedor do Prémio Ilustração poderá ser convidado a ilustrar o conto vencedor do Prémio “Matilde Rosa Araújo”.
10.º A divulgação dos vencedores e a cerimónia de entrega dos prémios serão realizadas no mês de Novembro de 2013. O nome dos vencedores será publicado nos sítios da Câmara Municipal da Trofa (www.mun-trofa.pt) e Camões - Instituto da Cooperação e da Língua, I.P.(www.instituto-camoes.pt) nos cinco dias úteis imediatamente a seguir à cerimónia de entrega dos prémios. Apenas os premiados serão notificados por ofício ou via telefone.

SECÇÃO III
Disposições específicas

SUBSECÇÃO I
Entrega dos trabalhos
11.º Os trabalhos a concurso deverão ser entregues, em mão ou via correio, até às 17h00 do dia 27 de Abril de 2013:

Portugal
a) Em mão: na Casa da Cultura da Trofa, Avenida D. Diogo Mourato, durante o horário do expediente - de segunda a sexta-feira das 9h00-12h30/14h00-17h30, no Gabinete de Animação Cultural;

b) Via correio: através de carta registada com aviso de receção, dirigida ao Sr. Vereador do Pelouro da Cultura - Câmara Municipal da Trofa, Edifício Sede Pólo 1, Rua das Indústrias, 393, Apartado 65, 4785-624 Trofa.


Angola - Centro Cultural Português em Luanda
Dr. João Pignateli Freitas
Av. de Portugal, nº 50 - Luanda


Brasil - Centro Cultural Português em Brasília
Dr. Adriano Jordão
Embaixada de Portugal - SES Av. das Nações - Quadra 801, lote 2 - CEP 70402-900 - Brasília - DF


Cabo Verde - Centro Cultural Português na Praia
Dr. João Laurentino Neves
Embaixada de Portugal - C.P. 160 - Praia

Centro Cultural Português na Praia - Pólo no Mindelo
Dra. Ana Cordeiro
Caixa Postal 76 - Mindelo


Guiné-Bissau - Centro Cultural Português em Bissau
Dr. Henrique AzevedoEmbaixada de Portugal - Av. Cidade de Lisboa - C.P. 276 - Bissau


Moçambique - Centro Cultural Português em Maputo
Dr. António Santos Braga
Av. Julius Nyerere, 720 - 1º - C.P. 4696 -Maputo

Centro Cultural Português em Maputo - Pólo na Beira
A/c Dr. Rui Vicente de Azevedo

Consulado-Geral na Beira - Rua António Enes, 148/149 - r/c -Beira


S. Tomé e Príncipe - Centro Cultural Português em S. Tomé
Dra. Márcia Almeida
Rua Patrice Lumumba - Caixa Postal 454 - S. Tomé e Príncipe

Centro Cultural Português em S. Tomé - Pólo na Ilha do Príncipe
Dr. Pedro Simões
Caixa Postal 10 - Cidade de Santo António - Ilha do Príncipe


Timor - Centro Cultural Português em Díli
Dra. Maria de Jesus Chaves
Edifício ACAIT - Av. Tenente Nicolau Lobato - Díli

12.º Os trabalhos deverão ser enviados ou entregues em envelope fechado, com indicação do concurso e inscrição do pseudónimo no espaço destinado ao remetente - ver artigo 17.º, alínea b).
13.º Não serão aceites trabalhos cuja data do carimbo dos correios seja posterior à data limite.

SUBSECÇÃO II
Receção dos trabalhos
14.º Os trabalhos entregues em mão em cada país serão numerados por ordem de entrega, à frente do concorrente.
15.º As propostas enviadas por correio, registadas com aviso de recepção, serão encaminhadas internamente para o secretariado do concurso, sendo-lhes atribuído o número de entrada correspondente.

SUBSECÇÃO III
Sobre o trabalho
16.º Podem ser apresentados trabalhos colectivos.
17.º Cada candidato só pode apresentar um trabalho.
18.º Os contos podem ter ou não ilustração, não ultrapassando em quaisquer dos casos o limite de 15 páginas.
19.º As imposições técnicas são as seguintes:
a) O texto deverá ter até 15 páginas A4, com espaçamento duplo entre linhas, com tipo de letra Times New Roman, tamanho 12;
b) Os textos deverão ser entregues em envelope contendo no interior 2 envelopes: num deverá constar o texto original em papel com 6 cópias, e no outro um CD contendo o texto em formato Microsoft Word for Windows (.DOC) e as indicações pessoais (nome, morada, profissão, número de telefone, data de nascimento e número de identificação fiscal) do/s candidato/s numa folha de papel e no CD e, sendo o caso de candidatos com contos publicados, o nome dos mesmos. Deve constar em todos os envelopes, no exterior, o pseudónimo com que se assinou o texto;
c) Nas folhas do trabalho não pode constar qualquer indicação sobre o concorrente, sob pena de este vir a ser excluído.

SUBSECÇÃO IV
Preparação para a apreciação dos trabalhos
20.º Os contos a avaliar não podem conter indicações pessoais do concorrente.
21.º Cinco dias úteis após o término do prazo de entrega, proceder-se-á à abertura de todos os envelopes, sendo colocado o número atribuído no ato de entrega, constante do envelope, no respetivo trabalho e cópias.
21.º Os envelopes com a identificação do concorrente serão guardados em instalações de uso exclusivo ao secretariado do concurso.

SUBSECÇÃO V
Critérios de apreciação
23.º Os critérios de apreciação serão os seguintes:
a) Criatividade / inovação;
b) Qualidade literária;
c) Organização;
d) Coerência e coesão do texto;
e) Obediência às características do género em questão.

SUBSECÇÃO VI
Júri24.º Os trabalhos serão avaliados por um júri de pré-seleção que, de acordo com os critérios previamente definidos, selecionará os melhores contos para serem avaliados pelo júri final.
25.º Caberá ao Júri decidir sobre os casos omissos neste Regulamento.
26.º Das decisões do Júri não haverá recurso.
27.º Os membros dos Júris serão dados a conhecer em momento oportuno.
28.º Caso os trabalhos não apresentem qualidade, o Júri reserva o direito de não atribuir prémio.
29.º Os membros dos Júris não terão acesso aos dados pessoais, cabendo ao secretariado do concurso zelar pela manutenção do sigilo durante todo o processo de apreciação e avaliação dos contos.

SECÇÃO IV
Direitos intelectuais / direitos de autor
30.º Só poderão ser submetidos a concurso textos inéditos, pelo que qualquer indício de plágio será punível com a desqualificação do conto.
31.º Os concorrentes não premiados interessados em reaver os seus trabalhos poderão proceder ao seu levantamento, mediante requisição por escrito e apresentação do BI ou através do envio de um envelope verde dos CTT, contendo fotocópia do BI e carta de pedido de devolução com a respetiva identificação do trabalho.
32.º Os contos não premiados serão eliminados ao fim de 3 anos, após a sua recepção, em data a definir pela Câmara Municipal da Trofa.

SECÇÃO V
Direitos de utilização
33.º Os autores autorizam a divulgação e utilização, de forma gratuita, dos contose das ilustrações em toda e qualquer atividade promovida pela Câmara Municipal da Trofa e Camões - Instituto da Cooperação e da Língua, I.P.

Hilary Mantel leva o prêmio Costa por unanimidade

Por Mark Brown
The Guardian - 29/01/2013

A irrefreável Hilary Mantel acumulou mais uma conquista para sua surpreendente coleção de grandes prêmios literários após os jurados nomearem unanimemente Bring up the Bodies como livro do ano do Costa Book Awards 2012. Mantel é a primeira autora a ganhar o Man Booker e o Costa. [...]

Foi talvez a vitória menos surpreendente da história do prêmio. A presidente do júri, Jenni Murray, disse: 

“Um dos livros simplesmente estava uma cabeça acima dos outros livros, mais do que isso... com pernas de pau acima do resto. Tivemos uma boa discussão, como se estivéssemos em um clube do livro de alto nível, resolvemos fazer a votação do Bring up the Bodies e todas as mãos levantaram”.


Fonte:
Newsletter do Publishnews

Resultado - Prêmio Nacional Mogi das Cruzes de Literatura

1º Colocado: "Passagens"
VANIA MORENO DE ASSUNÇÃO GAVAZZI, Mogi das Cruzes/SP

2º Colocado: "Jingle Bells"
ALESSANDRO SOARES, Florianópolis/SC

3º Colocado: "Repassando na internet"
RUI WERNECK DE CAPISTRANO, Curitiba/PR


Confira AQUI a lista dos selecionados para o livro, identificados os autores apenas pelo pseudônimo, motivo pelo qual não publicamos tão extensa relação.

10.03.2013 - Seleção para Antologia de Contos da Big Time Editora

Informações:
a) Seleção de contos
b) Inscrição por e-mail

Prazo: 10 de Março de 2013


Fonte:
http://bigtimeeditora.blogspot.com.br/p/regulamento-concurso-de-contos-2013.html


Organização:
Big Time Editora

Contato e Dúvidas:
infconcurso2013@bigtimeeditora.com.br
bigtimeeditora@bol.com.br


Regulamento:
1) OBJETIVO DO CONCURSO:
a) Divulgar a BIG TIME EDITORA e seus projetos literários, aumentar seu cadastro de autores e ampliar seu banco de dados de textos, além de buscar novos talentos da literatura nacional e em língua portuguesa. Para isso iremos selecionar 12 CONTOS que serão publicadas no livro CONTOS SELECIONADOS 2013 BIG TIME EDITORA (título provisório), da BIG TIME EDITORA.
b) O Concurso é totalmente GRÁTIS e os autores selecionados NÃO TERÃO que adquirir exemplares para participar do livro. A partir do momento em que forem selecionados devem apenas cumprir com as exigências referentes a documentação exigida.
Obs.: Além dos 12 contos premiados, poderão ser selecionados outros contos, em número a ser definido posteriormente, até se atingir um mínimo de 96 (noventa e seis) páginas do livro, conforme configuração no item 2.


2) FORMATO DO LIVRO:
a) Tamanho final fechado 14X21 cm;
b) capa em 4 cores, laminação brilhante, hotmelt, costura;
c) miolo em preto e branco, PAPEL PÓLEM SOFT, 80 gramas;
d) Mínimo de 96 páginas;

3) TEMA:
Serão aceitos textos com qualquer temática, exceto:
- os de conteúdo estritamente pornográfico;
- textos de cunho preconceituoso ou racista, fora do contexto da história.

4) TEXTOS:
a) Deverão ter no mínimo 5.000 (cinco mil) caracteres e no máximo 30.000 caracteres, incluindo os espaços, escritos com fonte tamanho 12, preferencialmente Times New Roman ou Arial, no formato A4, espaço simples, sem imagens;
b) Cada texto deverá conter, além da história, uma FOLHA DE ROSTO com:
a) Título do conto;
b) Nome do Autor;
c) Pseudônimo (opcional);
d) Endereço completo para contato;
e) Profissão;
f) E-mail válido.
g) Minibiografia (opcional) com até 6 linhas, em corpo 12, que será publicada no final do livro, acompanhada de foto (opcional) que será exigida quando da divulgação da seleção.
c) Caso o autor selecionado queira ser publicado com pseudônimo, deverá fornecê-lo juntamente com seu nome verdadeiro;
d) Os textos deverão estar obrigatoriamente no idioma português, o que não impede a utilização de nomes e termos estrangeiros ou gírias.

ATENÇÃO: Pedimos que observem atentamente o Item 10 – ENVIO DOS TEXTOS e mais ainda o Item 10.c.

5) PARTICIPANTES:
a) Serão aceitos autores inéditos ou não, desde que NÃO tenham sido publicados por grandes editoras. Autores já publicados pela Big Time podem participar normalmente, inclusive com a apresentação de textos já enviados e não selecionados.
b) Textos publicados apenas na Internet em sites de cunho literário ou blogs podem ser inscritos normalmente, bem como material publicado em produções independentes, em coletâneas ou edições em cooperativa;
c) Cada autor poderá inscrever até 5 (cinco) textos, porém premiado com apenas 2 textos num mesmo volume. Caso haja a publicação de um segundo ou terceiro volumes baseado no material recebido e não selecionado para o primeiro livro, esses autores selecionados poderão fazer parte também dos volumes adicionais.
d) A participação é livre para autores brasileiros e estrangeiros em que a língua do país natal seja o Português, residentes ou não no Brasil, de qualquer escolaridade ou formação, desde que maiores de 18 anos. Autores acima de 16 anos deverão enviar, juntamente com a inscrição, autorização dos pais ou responsáveis.
e) Autores inéditos (QUE NÃO TENHAM TEXTOS PUBLICADOS EM MÍDIA IMPRESSA) podem especificar, caso queiram, essa condição na Folha de Rosto com o texto AUTOR INÉDITO logo após o nome do autor. Informamos que isso não é impedimento, pelo contrário, pois há a possibilidade de ocorrer o lançamento de um volume apenas com autores nesta condição.

6) PREMIAÇÃO:
Os autores com melhor pontuação receberão:
1º ao 3º - 3 (três) exemplares cada para divulgação própria;
4º ao 6º - 2 (dois) exemplares cada para divulgação própria;
7º ao 12º - 1 (um) exemplar cada para divulgação própria;
Ø Demais participantes que comporão o livro (13º em diante) não receberão livros, sendo a publicação do texto considerada prêmio.

Sobre os livros dados como prêmio para divulgação não serão pagos os direitos autorais, da mesma forma que os vendidos para os próprios autores participantes do concurso a preços promocionais.
Para efeito de rateio dos livros vendidos posteriormente, cada conto selecionado será considerado como uma unidade, independente do número de páginas que ele contenha. Sendo assim, para evitar qualquer dúvida, um conto com 2 (DUAS) páginas receberá o mesmo valor que um conto que eventualmente tenha 10 (DEZ) páginas.
Os textos recebidos ficarão no banco de dados da Big Time e poderão fazer parte de outros livros publicados pela editora, com a concordância dos autores.

IMPORTANTE: Caso ocorra a publicação de volumes adicionais do livro do concurso (volume 2, 3, 4...), não haverá prêmio em livros, sendo considerado como prêmio a publicação do texto.

7) INSCRIÇÕES:
De 15 de janeiro de 2013 até 10 de março de 2013.

8) RESULTADOS:
A divulgação dos textos premiados ocorrerá entre os dias 20 a 30 de abril de 2013, através do site/blog da BIG TIME EDITORA.

9) LANÇAMENTO DO LIVRO:
Entre 1º de junho a 30 de junho de 2013.

10) ENVIO DOS TEXTOS:

 VIA E-MAIL (preferencialmente)

concursodecontos2013@bigtimeeditora.com.br

a) Os arquivos deverão ser enviados (PREFERENCIALMENTE) via e-mail com a configuração especificada no Item 4 deste Regulamento (TEXTOS), sendo 1 (um) arquivo para cada conto, com sua respectiva folha de rosto, APENAS em formato DOC, DOCX (word) ou PDF;
b) Arquivos enviados em formato JPG, PDF extraído de imagem, ou outros formatos não especificados no item acima (10.a) serão excluídos automaticamente;
c) Os arquivos deverão ser nomeados da seguinte forma:

nomedoconto-nomedoautor.doc

ou

nomedoconto-nomedoautor.pdf

(EXEMPLO: fuialuaevoltei-zedasilva.doc ou .docx ou .pdf);


OBSERVAÇÃO: Pedimos encarecidamente que não enviem textos nomeados com:
Texto1.doc, poesia1.doc, textoconcurso.doc, etc e tal. A exigência do item 10.c é necessária, pois recebemos uma quantidade enorme de textos nomeados sem identificação em nosso primeiro concurso, o que causa transtornos e dificuldades na organização, levando a atrasos desnecessários.


 VIA CORREIO (opcional)
Os textos deverão ser enviados em 3 vias, cada conto com sua respectiva folha de rosto, e com a inclusão de um email válido para contato, para o seguinte endereço:

Rua Planta da Sorte, 68 – Itaquera – São Paulo – SP – CEP 08235-010

11) VENDA DOS LIVROS APÓS O CONCURSO
a) Os livros serão vendidos pela BIG TIME EDITORA, em seu site e loja virtual pelo valor de R$ 25,00, mais despesa de correio.
b) Os autores selecionados, mesmo os não inclusos entre os dez melhores, poderão adquirir os livros pelo valor promocional de R$ 18,00, mais despesa de correios.

12) DA COMISSÃO ORGANIZADORA:
A comissão organizadora será a responsável pela escolha das obras, e será definida pela BIG TIME EDITORA, sendo formada por colaboradores e convidados.

13) CONSIDERAÇÕES FINAIS:
A BIG TIME EDITORA informa que o simples ato da inscrição para o 2º Concurso de Contos BIG TIME EDITORA faz com que o participante aceite todas as regras expostas no presente regulamento, inclusive se responsabilizando pela autoria das obras, isentando a BIG TIME EDITORA de qualquer acusação de plágio. Dúvidas subsequentes à escolha e até a publicação do Livro CONTOS SELECIONADOS 2013 BIG TIME EDITORA (título provisório), serão resolvidas de comum acordo pela Comissão Organizadora e a Direção da BIG TIME EDITORA.

Pedimos que os interessados leiam atentamente todos os itens do presente regulamento.

29 de janeiro de 2013

27.02.2013 - II Concurso Internacional de Poesia y Cuento (Peru)

Informações:
a) Concurso de Contos e Poesias (escritos em espanhol)
b) Inscrição por e-mail

Premiação:
I) Publicação em Revista

Prazo: 27 de Fevereiro de 2012


Fonte:
http://www.escritores.org/index.php/recursos-para-escritores/concursos-literario/7615-ii-concurso-internacional-de-poesia-y-cuento-2013-peru


Organização:
Revista Hispanoamericana Elparnaso del Novo Mundo

Contato e Dúvidas:
elparnasodelnuevomundo@hotmail.com


Regulamento:
- Este concurso está abierto para todos los literatos que quieran participar de cualquier parte del mundo (hombres y mujeres), mayores de edad, si es que el literato es menor de edad puede participar con un documento de autorización por parte de sus padres, los escritos deben estar en castellano.
- El poema y el cuento tienen que ser originales e inéditos. No puede haber sido galardonado anteriormente, ni publicado por ningún medio.
-La extensión del poema puede abarcar entre 40 a 50 versos
-La extensión del cuento puede abarcar entre 1000 a 1200 palabras
- El autor tiene que enviar dos archivos juntos, en uno que vaya el cuento o poema con su seudónimo, y en el otro archivo su biografía con fotografía tamaño pasaporte a color y claro.
- La admisión de las obras empieza el día 1 de enero 2013 y finaliza el 27 de febrero del presente año.
-El jurado está compuesto por literatos de reconocida trayectoria: Zully García (Uruguay), Jairo Sánchez (Colombia) y Luis Foa Torres (Argentina)
- El tiraje será de 1000 ejemplares
- Los poemas y cuentos que no hayan sido seleccionados se eliminarán sin derecho a reclamación.
- La participación en este concurso implica la aceptación de estas bases.
-El fallo se dará fines de marzo 2013
- Los cuentos y poemas se enviarán al correo electrónico: elparnasodelnuevomundo@hotmail.com
- Poeta ganador se le hará entrega de medalla y diploma, su poesía será publicada en físico en la revista mencionada el 15 de junio, se le hará entrega de 25 ejemplares, acto se llevará a cabo en la Universidad Nacional Mayor de San Marcos, 7pm. Auditorio sala de grados, 3er piso.
- Escritor ganador se le hará entrega medalla y diploma, su poesía será publicada en físico en la revista mencionada el 15 de junio, se le hará entrega de 25 ejemplares, acto se llevará a cabo en la Universidad Nacional Mayor de San Marcos, 7pm. Auditorio sala de grados, 3er piso.
- Los literatos que ocupen el segundo lugar recibirán su diploma y 6 ejemplares
- El encargado principal de la entrega de medallas, diplomas y revistas es el Dr. Ángel Cuya Ayala, director general de la revista.

Vigência e prestígio do Prêmio Literário Casa das Américas

Mireya Castañeda

Publicada no portal Granma


A quantidade enorme de livros enviados para optarem pelo Prêmio Casa 2013, mais de 700, revela o interesse e o prestígio que mantém entre os escritores de Nossa América.

Esta foi a primeira consideração feita pelo presidente da Casa das Américas, o poeta e ensaísta Roberto Fernández Retamar, ao apresentar à imprensa as estatísticas preliminares de obras que optam pelo Premio em sua 54ª. edição, cujos trabalhos circularam de 21 a 31de janeiro.

Durante o encontro na Sala Manuel Galich dessa insittuição, as precisões estiveram a cargo do diretor do Centro de Pesquisas Literárias (CPL), Jorge Fornet.

As cifras adiantadas nos gêneros concursantes neste ano: Novela (172), Poesia (322), Literatura testemunhal (56), Ensaio histórico-social (42), Literatura brasileira (158), e Prêmio Extraordinário (20), para um total de 770 obras, o que faz desta edição — disse Fornet — a quarta maior do Prêmio.

“O país com maior número de concursantes é a Argentina com 200 livros, seguido pelo Brasil 158, Cuba 122, Colômbia 63, Chile 64 e Peru 38”.

Fornet também apresentou a longa lista de escritores, ensaístas e pesquisadores que, após intensas jornadas de leitura, selecionaram os Prêmios Casa 2013, dos quais assinalamos alguns por gênero.

Em Poesia participa o uruguaio Rafael Courtoisie, de quem Fornet lembrou um breve poema utilizado por Mario Benedetti num exergo e Eliseo Subiela em seu filme O lado escuro do coração: “Um dia todos os elefantes se reunirão para esquecer, todos, menos um”.

A argentina Liza Josefina Porcelli Piussi, ganhadora do Prêmio Casa 2012 em literatura para crianças e jovens com seu livro Mi hermano llegó de otro planeta un día de mucho viento, é incluída na lista dos júris de Novela.

Entre os júris de Literatura testemunhal aparece a uruguaia Edda Fabbri, Prêmio Casa 2007 neste gênero com Oblivium, e em Ensaio histórico-social, o cubano Sergio Guerra Vilaboy, Prêmio Extraordinário sobre o Bicentenário 2010 com Jugar con fuego. Guerra social y utopía en la independencia de América Latina.

O amplo espectro da Literatura brasileira conta com três personalidades para julgar, Marcelino Freire, Carola Saavedra e Suzana Vargas.

Para o Prêmio Extraordinário de Estudos sobre as Culturas Originárias da América serão júris três notáveis estudiosos do tema: Esteban Ticona Alejo (Bolivia), de origem aimara, docente de antropologia política e etnografia andina; Emilio del Valle Escalante (Guatemala) de origem maia - quiché, especialista em temas de literatura indígena e movimentos sociais na América Central, e Ticio Escobar (Paraguai), estudioso da cultura guarani, fundador e diretor do Museu de Arte Indígena de Asunción, ministro de Cultura durante a presidência de Fernando Lugo. Seu texto La belleza de los otros, de 1993, foi reeditado agora pela Casa.

Escobar terá a responsabilidade das palavras iniciais das sessões do Prêmio, para converter-se no primeiro paraguaio em fazê-lo pessoalmente, já que em 1992, Augusto Roa Bastos não pôde assistir por motivos de saúde e seu discurso, Mensaje a los pueblos del mundo desde la Casa de las Américas, foi lido por Fernández Retamar.

Naquele texto, o autor de Yo, el supremo lembrava a “hecatombe de nossos povos originários, a maior e mais cruel na história de Ocidente”.

Com o Prêmio Extraordinário são iniciadas também as homenagens pelo centenário do intelectual e político guatemalteco Manuel Galich, considerado “um dos pilares da Casa”, e que foi ganhador do Prêmio Casa em 1961 com a peça El pescado indigesto.

Professor de História da América na Universidade de Havana, Galich ajudou a difundir a história e as culturas dos povos originários da região e destacam seus prólogos ás edições do Popol Vuh (1969) e de Anales de los Cakchiqueles (1967), e, sobretudo, seu volume Nuestros primeros padres (1979).

Além das conferências que oferecerão os diferentes júris e a apresentação dos Prêmios Casa 2012, podem ser apreciadas duas grandes exposições, uma dedicada a Mariano Rodríguez em seu centenário, um dos grandes pintores cubanos, que também foi presidente da instituição, intitulada Notícias de caminhantes, com desenhos específicos, documentos epistolares e fotografias, assim como obras de artistas latino-americanos relacionados com ele, e a outra Umberto Peña: retorno a um pintor visceral, aberta até março na Galeria Latino-Americana.

O Prêmio Casa continua vigente? Para Roberto Fernández Retamar “a melhor resposta é a quantidade enorme de livros enviados para optarem pelo Prêmio, mais de 700. Isto revela o interesse e o prestígio entre os escritores de Nossa América. O Prêmio revelará também novos escritores, continua sendo incentivo e motivo de alegria”.

Resultado - Prémio Literário Poesia e Ficção de Almada

O livro de poesia “O Mar de todos os deuses”, da autoria de Helena Barbagelata, venceu o Prémio Literário Poesia e Ficção de Almada 2012. O galardão foi atribuído no dia 10 de dezembro, no Fórum Municipal Romeu Correia – Sala Pablo Neruda.

Em 2012, a comissão julgadora foi formada pelas seguintes personalidades: Luis Machado, em representação da Associação Portuguesa de Escritores, Fernando Fitas, em representação da Câmara Municipal de Almada, e Lina Céu Brito Martins Carvalho, em representação da Sociedade de Língua Portuguesa.


O Mar de todos os deuses

Nas palavras de Fernando Fitas, porta-voz do júri, “trata-se de um livro concebido e alicerçado num discurso poético que nos remete para o imaginário de Virgílio, um dos mais importantes autores da literatura clássica e que nos surpreende, sobretudo, por ter sido escrito por uma jovem de apenas 21 anos”.


Sobre a autora

Helena Barbagelata nasceu em Lisboa a 6 de dezembro de 1991 e reside na Cova da Piedade. É estudante de Ciência Política e Relações Internacionais e História da Filosofia na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa. Realiza tradução e publica prosa e poesia em antologias e revistas literárias em Portugal, Brasil e Itália, tendo sido premiada em diversos concursos internacionais.

Revista Samizdat - nº 35



Está no ar a Revista Samizdat 35, uma das publicações que compõem a nossa lista de seleções permanentes.

Em cinco anos de atividades, a Samizdat já publicou aproximadamente 1500 obras, de mais de 200 autores, e superou o número de 200 mil leitores.






Para conhecer esta edição e todo o projeto, acesse:


28 de janeiro de 2013

Resultado - Prêmio TopBlog 2012 - Literatura

Blogs Profissionais - Júri Popular:

1º - Concursos Literários – concursos-literarios.blogspot.com.br

2º - Pra ler – praler.org (parceiro deste blog)

3º - Trilhas de Luz – trilhasdeluz.blogspot.com


Blogs Profissionais - Júri Acadêmico:

1º - Viaje na leitura – www.viajenaleitura.com.br

2º - Escrivaninha Literária – escrivaninhaliteraria.com (parceiro deste blog)

3º - Mundo do Livro – www.mundodolivro.com


Blogs Pessoais - Júri Popular:

1º - As aventuras de Francesco – asaventurasdefrancesco.blogspot.com

2º - Fluffy – fluffy.com.br

3º - A magia da Poesia – www.poesiaspoemaseversos.com.br/blog/


Blogs Pessoais - Júri Acadêmico:

1º - Pronome Interrogativo – www.pronomeinterrogativo.com

2º - Domingo com Poesia – domingocompoesia.blogspot.com.br

3º - Revista SAMIZDAT – samizdat.oficinaeditora.com (parceiro deste blog)



E a equipe deste blog esteve presente na cerimônia, todos um tanto ansiosos, pois éramos finalistas, mas não sabíamos que havíamos ficado com a primeira colocação. Confira abaixo algumas imagens da cerimônia:

Teatro da UNIP, em São Paulo, minutos antes do começo da cerimônia.


Equipe do blog recebendo o prêmio: André Kondo, Ana Carolina Alencar,
Joaquim Antonio, Amanda Reznor, Rodrigo Domit e Daniela (no colo).


Após o fim da cerimônia, aproveitamos o banner para uma última foto.



O certificado que recebemos junto com o troféu do Prêmio TopBlog.

Concursos literários são ponto de partida para novos escritores

ADRIANA FARIAS
Colaboração para a Folha de São Paulo


Publicado no caderno FOLHATEEN de 28/01/2013


Aquela redação escrita na sala de aula ou a poesia rabiscada numa noite em claro podem ganhar visibilidade por meio de concursos literários, capazes de dar o pontapé inicial na carreira de quem quer virar escritor.

No ano passado, ao menos 312 concursos de poesias, contos, romances e crônicas foram abertos no Brasil, segundo mapeamento do escritor Rodrigo Domit, 28, criador do blog concursos-literarios.blogspot.com.

"Viabilizar uma obra para um autor iniciante é caro, por isso os concursos são a melhor opção", afirma.

Foto: Alessandro Shinoda/Folhapress
João Paulo Hergesel, 20, e algumas das antologias
nas quais estão publicados seus textos


O escritor João Paulo Hergesel, 20, não pode ouvir falar em concursos literários: seus dedos ficam inquietos e a cabeça vai a milhão.

Nascido em Sorocaba, mas criado em Alumínio, a 79 km de São Paulo, ele já participou de mais de 200 concursos. Ganhou 60 deles.

Como resultado, teve textos publicados em nada menos que 25 antologias. As porcelanas e os porta-retratos que antes decoravam a sala da casa onde mora deram lugar a livros, troféus, certificados e menções honrosas. Prêmios em dinheiro foram três, totalizando R$ 3.500.

Hergesel enfrentou o primeiro concurso aos oito anos, na escola. Aos 15, começou a levar a coisa a sério.

"Percebi que queria mesmo escrever, então fiz o que muitos adolescentes fazem: criei uma comunidade --na época, no Orkut-- e passei a divulgar meus textos. Ver as pessoas comentando e elogiando me incentivou a ir aos concursos", conta.

Resolvida a questão da coragem, o que faltava era idade para concorrer.

"Era uma dificuldade. A maioria dos concursos era para maiores de 18 anos, mas eu não desanimava. Ia atrás dos que permitiam todas as idades. Não tive medo."


PORTUGAL


Antes mesmo de completar a maioridade, o paulista conquistou 25 prêmios, sendo dois em Portugal, na categoria poema.

Mas aquele que considera o mais importante veio quando tinha 19 anos: o primeiro lugar na categoria conto infantojuvenil do Prêmio Sesc-DF 2012.

Um dos mais importantes do país, o Prêmio Sesc-DF teve na última edição 1.200 participantes. As inscrições para a próxima edição vão de 1º de junho a 31 de agosto, só para maiores de 18 anos. As obras vencedoras serão publicadas e comercializadas.

Para escrever os textos dos concursos a inspiração do aluminense vem até de madrugada. "Quando não tem papel e caneta por perto anoto tudo no celular", conta. "E se o celular pifar?", pergunto. "Nesses casos, a memória é a única solução! Durante um voo de volta de Brasília, isso me aconteceu: não podia ligar o celular e não tinha papel e nem caneta, então simplesmente registrei no pensamento", conta. A situação lhe rendeu um trecho para um poema: "escrevo no pensamento e quem quiser que me leia pelos olhos".

Quem também viu a carreira deslanchar depois de concursos foi Luisa Geisler, 21.

Nascida em Canoas (RS), ela ganhou o Prêmio Nacional Sesc de Literatura em 2010/2011 na categoria conto, com o livro "Contos de Mentira", e, em 2011/2012, venceu com o romance "Quiçá".

Luisa foi uma dos 20 nomes escolhidos pela celebrada revista literária inglesa "Granta" para a edição "Os Melhores Jovens Escritores Brasileiros", publicada em 2012.

"Quando você é muito novo, rola preconceito. Os concursos são uma forma de ganhar reconhecimento."

Ela dá um conselho a quem quer entrar nesse meio.

"Perdi vários concursos e isso me desmotivava, mas aprendi que não se pode levá-los tão a sério. É coisa de momento, do jurado que leu seu texto. Perder não é sinal de que a obra é ruim. Uma hora você ganha."

27 de janeiro de 2013

Prêmio Top Blog

Neste sábado, 26 de janeiro, no Teatro da UNIP, em São Paulo, este blog foi laureado com o primeiro lugar na categoria Literatura - Profissional, pelo júri popular, no Prêmio Top Blog.
 
Agradecemos aos leitores-autores, aos organizadores de concursos, aos amigos e aos parceiros que nos acompanham nesta caminhada e que, diariamente, independente de qualquer prêmio, fazem deste um projeto reconhecido.
 
 
Equipe do blog
 

26 de janeiro de 2013

Autora mineira leva prêmio



CARLOS ANDREI SIQUARA
Publicado no Jornal OTEMPO em 26/01/2013

Lançado em 2011, "Da Arte das Armadilhas" (Companhia das Letras), segundo livro da escritora Ana Martins Marques, 35, foi confirmado ontem como o vencedor do prêmio Alphonsus de Guimaraens, concedido pela Fundação Biblioteca Nacional (FBN), no ano passado, na categoria poesia.
O novo resultado, que deverá ser publicado no Diário Oficial, na segunda-feira (28/1), anula a decisão anterior que havia laureado a robusta antologia "Poesia (1930-62)", de Carlos Drummond de Andrade, organizada por Júlio Castañon Guimarães e publicada pela editora Cosac Naify.

A mudança, declarada após reunião dos jurados do prêmio, a qual ocorreu anteontem, vem na esteira de uma onda de duras críticas.

Uma delas veio a ser conhecida por meio do posicionamento da diretoria da União Brasileira de Escritores (UBE), via ofício que solicitava ao presidente da FBN, Galeno Amorim Júnior, uma reavaliação do concurso. Além desse pedido formal, circulou também pela internet uma petição pública, exigindo a anulação do prêmio Alphonsus de Guimaraens, seguido da realização de um novo procedimento.

As queixas se baseavam nos próprios critérios de seleção do edital do programa que deixa claro ser apenas possível disputar o prêmio livros inscritos pelos autores ou pelas editoras, "mediante autorização por escrito deste, que deverá ser anexada à ficha de inscrição", defende o documento.

A partir disso, foi argumentado que o escritor Carlos Drummond de Andrade não poderia disputar o concurso, uma vez que ele faleceu em agosto de 1987, há 25 anos. Segundo a nova vencedora, a notícia chegou até ela pela própria imprensa. "Fiquei sabendo da premiação através de uma jornalista e recebi a notícia com muita alegria", conta Ana Martins Marques. Em relação a atitude da
Fundação Biblioteca Nacional de rever o resultado, ela avalia como "muito acertada".

"Por mais méritos que tenha a publicação de uma edição crítica de Drummond - e a edição organizada pelo Júlio Castañon Guimarães é um trabalho de fôlego, que merece todo reconhecimento -, o propósito claramente é premiar o autor, e não o organizador ou o editor. Havia muitos livros interessantes na disputa, e o sentido de um prêmio como esse, me parece, é sobretudo dar visibilidade à produção contemporânea", conclui Marques.

Embora até o fechamento desta edição, a poeta ainda não havia sido comunicada oficialmente pela FBN, a assessoria de imprensa da instituição garantiu que esta decisão é definitiva. De acordo com o departamento, até a próxima segunda-feira, uma nota explicativa também deverá ser publicada no site da Biblioteca Nacional.

Aclamada como um dos nomes expoentes da literatura brasileira, Ana Martins Marques acrescenta que não tem previsão de quando irá lançar um outro título, apesar de ter publicado alguns novos poemas em jornais e revistas. "Ainda não tenho planos para um novo livro. No momento estou às voltas com o doutorado, e não tenho me dedicado muito à poesia. As pessoas em geral acham que escritores são pessoas que têm facilidade para escrever, mas talvez seja justamente o contrário. Não tenho pressa para publicar novamente", diz Marques.

dica da escritora Fátima Soares Rodrigues

Cerimonia do Prêmio Top Blog

Hoje, no Teatro da UNIP, em Sao Paulo, será realizada a cerimonia de encerramento do Prêmio Top Blog 2012.

Somos finalistas na categoria Literatura graças aos votos recebidos por vocês, nossos leitores-autores. Assim que possível retornaremos com novidades sobre a classificação deste blog.

Independente da colocação, muito obrigado, mais uma vez, pelo reconhecimento a este trabalho, que sempre foi e sempre será pautado pela colaboração entre todos que organizam, divulgam e participam de concursos literários.


Abraços,


Equipe do Blog

* desculpe-nos pela ausência de alguns acentos, esses tabletes não ajudam!

24 de janeiro de 2013

Resultado - 7º Concurso Poesiarte*

1º: Edweine Loureiro
Filho da Floresta
Saitama/Japão

2º: Perpetua Amorim
Deusa Mãe
Franca/SP

3º: Sonia Nogueira
Cajueiro
Fortaleza/CE

4º: Regina Célia
As árvores dão vida
Colombo/PR

5º: Nédia Sales
Cumprindo Ciclos
Conceição do Almeida/BA

6º: Flavio Machado
Prosaicos amazônicos
Cabo Frio/RJ

7º: André L. Soares
Árvore da vida
Guarapari/ES

8º: Roque Aloísio
Rumorejos
Santa Rosa/RS

9º: Jussara Godinho
Viceje!
Caixas do Sul/RS

10º: David Henrique
Futuro da Vida Arbórea
Belo Jardim/PE

11º: Lilian Araújo
O fauno e a dríade
Anápolis/GO

12º: Marcos Sodré
Oxalá
Armação dos Búzios/RJ

13º: Amélia Marcionila
O Guardador de Árvores
Pirapetinga/MG

14º: Janaína Santos
Vida de Árvore
São Bernardo do Campo/SP

15º: Geraldo Trombin
ÁRVORE DEVIDA
Americana/SP

16º: Jehan Santos
Semeada na Metrópole
Cabo Frio/RJ

17º: Lohan Lage
Árvore da vida
Trajano de Morais/RJ

18º: Gislaine Aparecida
Árvore da vida
São Paulo/SP

19º: Marcelo de Oliveira
Árvore da vida
Salvador/BA

20º: Isabel Cora
Continuidade
Araruama/RJ


* Infelizmente, não fomos informados sobre este concurso e não divulgamos o edital, mas optamos por divulgar o resultado e esperamos poder divulgar o edital da oitava edição deste certame.


Fonte:
http://concursopoesiarte.blogspot.com.br/2013/01/resultado-do-vii-concurso-poesiarte-2013.html

23 de janeiro de 2013

Painel de Colaboração - Prêmio Jorge de Andrade

Em relação à dificuldade de contato entre o autor e a Academia Barretense de Cultura, recebemos duas respostas bem promissoras. Uma das respostas, que segue abaixo, partiu de um membro da equipe deste blog, o André Kondo:

Prezado Tanussi,
Recebi prontamente uma resposta da Academia Barretense de Cultura. Enviei para o seu e-mail o contato de um dos membros da ABC. Fui informado que a cerimônia ainda está para ser agendada. Ressalto que fui muito bem recebido na ocasião em que fui um dos premiados neste certame, tendo recebido o prêmio e o carinho dos membros da ABC. Desejo a você a mesma experiência agradável que tive em Barretos.
Um abraço e parabéns,
André Kondo 



Conforme anunciado em seu blog, em 08 de novembro de 2012, fui o vencedor do último Prêmio Jorge de Andrade de contos. Alguém da direção do Concurso fez, à época, contato comigo, anunciando o prêmio, mas, até agora, silêncio total. Como não há meio de contato algum (e-mail, telefone etc), nem procurando no Google, gostaria de saber se, por acaso, algum dos demais vencedores tem contato com a Academia Barretense de Cultura, ou sabe algo sobre a data possível da premiação. Sei que o blog é somente um meio de divulgação, mas, é somente um pedido de ajuda. Se não houver jeito, terei de escrever para o endereço constante no edital para saber alguma coisa.
Agradecido, desde já,
Tanussi Cardoso 



Lembrando sempre aos autores de que a organização de um evento, a publicação de uma antologia e os pagamentos de premiações com verba pública não são coisas que se faz da noite para o dia, portanto, tendo o contato dos organizadores (não era este o caso), sempre cabe perguntar e tirar todas as dúvidas antes de condenar uma instituição que está buscando fomentar a literatura (eu mesmo, editor deste blog, já fiquei sem receber uma antologia porque havia mudado de e-mail e os organizadores não conseguiram entrar em contato comigo).

Projeto distribuirá livros gratuitamente no centro do Rio de Janeiro

Amanhã, dia 24 de janeiro, das 13 às 19 horas, quem estiver no Centro do Rio e passar no Centro Cultural da Justiça Federal – Av. Rio Branco, 241 – Cinelândia, vai poder levar para casa um livro.

Serão distribuídos gratuitamente cerca de 600 livros em mais uma ação do projeto social Livro de Rua. Tem para todos os gostos: romances, obras científicas, de auto-ajuda, didáticos, religiosos, para crianças e jovens, entre outros.

Convencido de que Monteiro Lobato estava absolutamente certo quando declarou que “um
país se faz de homens e livros”, o Instituto Ciclos do Brasil atua desde 2008 desenvolvendo ações de fomento à leitura.

Num país onde a leitura é quinta opção da população para uso de seu tempo livre, conforme aponta pesquisa do Instituto Pró-Livro, o Ciclos do Brasil tem desenvolvido, através de programas voltados para ações voluntárias, atividades relacionadas ao incentivo à leitura. O Ciclos do Brasil tem como motivação para seu trabalho esse desafio - o incentivo da busca de conhecimento pelas páginas de um livro.

O Livro de Rua é mantido por voluntários e adeptos da causa da leitura, visando transformar o Rio de Janeiro em uma grande biblioteca pública. O projeto é inspirado no bookcrossing, movimento realizado em mais de 130 países que distribui gratuitamente livros de diversos gêneros pela cidade, com o intuito de que esses sejam “encontrados”, lidos e depois ganhem liberdade novamente. No projeto Livro de Rua os livros podem ser libertos de duas formas:

Libertação em locais públicos (locais com grande movimento de pessoas) e nas Bibliotecas da Liberdade, espaço de leitura onde as pessoas podem retirar e deixar livros livremente (pode ser padaria, igreja, salão de cabeleireiro, etc). Até o momento libertamos cerca de 20 mil livros em diversas comunidades do Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte e Duque de Caxias.

É de graça e sem burocracia. O único compromisso é passá-lo adiante depois de ler. Basta deixá-lo em algum local público (praça, posto de saúde, padaria, ponto de ônibus, bar), onde seja grande o movimento de pessoas.


Todos os livros distribuídos são arrecadados através de doações.


Mais informações:

03.05.2013 - 26.º Concurso de Contos Cidade de Araçatuba

Informações:
a) Concurso de Contos
b) Categorias: Regional / Nacional / Internacional (países lusófonos)
c) Inscrição pela Internet

Premiação:
I) Em cada categoria: 1.º lugar: R$ 2.000,00 / 2.º lugar: R$ 1.500,00 /
3.º lugar: R$ 500,00
II) 5 exemplares da antologia para cada autor selecionado

Prazo: 03 de Maio de 2013


Fonte:
http://concursodecontos.blogspot.com.br/2013/01/concurso-de-contos-cidade-aracatuba-26.html
Dica do autor leitor Oronian Mendes


Organização:
Prefeitura de Araçatuba
Secretaria Municipal de Cultura

Contato e Dúvidas:
secretariacult@gmail.com


Regulamento:
Art. 1º - A Secretaria Municipal de Cultura torna público o 26.º Concurso de Contos Cidade de Araçatuba (internacional, mundo lusófono), destinado a escritores lusófonos de países que têm o português como idioma oficial.

§1.º - As inscrições se darão de 15 de janeiro a 03 de maio de 2013;

§ 2.º - Durante o concurso de 2013, será homenageado, o escritor Célio Pinheiro, professor de Literatura, fundador da Academia Araçatubense de Letras, ex-presidente do Conselho Municipal de Cultura de Araçatuba. Atualmente, sob forte enfermidade.

Da Participação

Art. 2º - Para concorrer, os interessados deverão mandar um conto inédito digitado, com pseudônimo, para o e-mail: contosaracatuba@gmail.com, na forma de dois anexos (postagem eletrônica):

ANEXO 1: o conto, com pseudônimo (Word)

ANEXO 2: título de seu conto, seu nome, R.G., e endereço de correio (rua, CEP, cidade, estado, telefone (fixo e celular) e pseudônimo usado no conto (Word)

§1.º: entende-se por inédito o conto que não participou de nenhuma coletânea de vários autores, nem de livro do participante como autor único e/ou tenha sido premiado em outro concurso literário realizado no seu país;

§2.º: os textos devem ser escritos em português, de acordo com o novo acordo ortográfico;

§3.º: serão desclassificados os contos postados após 03 de maio de 2013. Apenas serão aceitas inscrições e textos remetidos por e-mail. O recebimento será confirmado também eletronicamente;

§4.º: serão desclassificados os textos que a Comissão Julgadora considerar plágio evidente.

§5º: serão desclassificados os textos digitados em qualquer outra formatação que não a recomendada nos Art. 3º , 4º e 5º.

Da Apresentação

Art. 3º - Os textos (dois anexos) deverão ser digitados em corpo 14, espaço duplo, NÃO ultrapassar 10 (dez) páginas (mínimo duas), papel A4, margens de 2,0 cm, fonte “Times New Roman”.

Art. 5º. - A falta de algum dado que impossibilite identificar o autor do conto, caso seja premiado, desclassificará o concorrente.

§1.º: mais informações: www.concursodecontos.blogspot.com,

§2.º: o telefone (18) 3636 1270, e o e-mail secretariacult@gmail.com, serão canais de comunicação entre contistas e Secretaria Municipal da Cultura de Araçatuba.

Art. 6.º - Caso o conto do participante for premiado, este deverá apresentar em 10 (dez) dias fotocópia do R.G e do CPF (ou documento similar, se for estrangeiro), número da conta bancária (caso receba prêmio em dinheiro);, comprovante de residência (conta de luz, água, telefone fixo) para os concorrentes da categoria C; autorização de publicação, assinada, de seu conto premiado pelo concurso em coletânea dos contos vencedores.

§1.º - caso não cumpra tais exigências no prazo estipulado, o participante será desclassificando, sendo chamado o subsequente

Dos critérios básicos de julgamento

Art. 7.º - Ser um texto narrativo com viés literário, centrado num só conflito, com espaço e tempo concentrados conforme o gênero “conto”, apresentando:

a) a figura da personagem central;

b) verossimilhança (externa): relação com a condição humana;

c) focalização coerente e perceptível.

Art. 8º - Será instituída Comissão Julgadora composta por escritores e professores de Literatura, convidados pelo secretário municipal da Cultura de Araçatuba.

§único – a comissão terá liberdade e autonomia de organizar seu trabalho de leitura e julgamento, tendo o prazo para entregar os resultados até 15 de julho de 2013.

Das premiações

Art. 9.º - Haverá três categorias de concorrentes:

a) contistas nacionais (exceto os contistas da região administrativa de Araçatuba)

1.º lugar: R$ 2.000,00 (dois mil reais)

2.º lugar: R$ 1.500,00 (mil reais)

3.º lugar: R$ 500,00 (quinhentos reais)

Até cinco menções honrosas


b) contistas estrangeiros (mundo lusófono)

1.º lugar: R$ 2.000,00 (dois mil reais)

2.º lugar: R$ 1.500,00 (mil reais)

3.º lugar: R$ 500,00 (quinhentos reais)

Até cinco menções honrosas.

Observação: a remessa do prêmio está condicionada às leis e regras

bancárias vigentes no Brasil.


c) contistas regionais (região administrativa de Araçatuba)

1.º lugar: R$ 2.000,00 (dois mil reais)

2.º lugar: R$ 1.500,00 (mil reais)

3.º lugar: R$ 500,00 (quinhentos reais)

Até cinco menções honrosas

§1.º - entende-se por mundo lusófono os seguintes países: Portugal, Brasil, Angola, Moçambique, Timor Leste, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe, Cabo Verde;

§2.º - entende-se por região administrativa de Araçatuba os seguintes municípios: Araçatuba, Birigui, Penápolis, Guararapes, Andradina, Brejo Alegre, Buritama, Auriflama, Bilac, Bento de Abreu, Rubiácea, Valparaíso, Mirandópolis, Lavínia, Guaraçaí, Murutinga do Sul, Castilho, Ilha Solteira, Itapura, Nova Independência, Sud Mennuci, Pereira Barreto, Suzanápolis, Santo Antônio do Aracanguá, Guzolândia, São João de Iracema, General Salgado, Nova Castilho, Gastão Vidigal, Lourdes, Turiúba, Nova Luzitânia, Coroados, Gabriel Monteiro, Piacatu, Clementina, Santópolis do Aguapeí, Alto Alegre, Avanhandava, Glicério, Luiziânia, Braúna e Barbosa;

§3.º - o participante natural da categoria “c” poderá renunciar a esta condição e optar por participar da “a”. Isso deve estar expresso na sua inscrição, ficando dispensado de apresentar comprovante de residência;

Art. 12.º - Os contistas premiados, inclusive com menção honrosa terão direito a 05 exemplares da coletânea "Contos vencedores" e serão convidados a participar da 5.ª Jornada de Literatura de Araçatuba, de 2 a 13 de setembro de 2013.

Art. 13.º - Os contos premiados, inclusive com menção honrosa, farão parte da coletânea “Contos vencedores”.

Art. 14.º - A entrega dos prêmios se dará em Araçatuba, no dia 13 de setembro (sexta-feira) à noite.

Art. 15.º - Os casos omissos serão resolvidos pelo Secretário Municipal de Cultura.


Araçatuba, 16 de janeiro de 2013.


Hélio Consolaro
Secretário Municipal de Cultura

22 de janeiro de 2013

22.03.2013 - 2º Concurso de Poesias Carlos Cezar

Informações:
a) Concurso de Poesias
b) Categorias: Local / Outras cidades

Prazo: 22 de Março de 2013


Fonte:
http://caeseubt.blogspot.com.br/2013/01/lancamento-do-2-concurso-de-poesias.html


Organização:
Casa do Escritor, UBT – Seção de Moji Guaçu
Academia Guaçuana de Letras

Contato e Dúvidas:
olivaldotrovador@hotmail.com


Regulamento:
1. O Concurso de Poesias Carlos Cezar é uma iniciativa da Casa do Escritor (CaEs) e da União Brasileira de Trovadores (UBT) – Seção de Moji Guaçu, com o apoio da Academia Guaçuana de Letras (AGL).
2. Carlos Cezar (1942-2002), cantor e compositor, membro da Academia Guaçuana de Letras, é nosso homenageado, emprestando o nome ao título de nosso concurso.
3. A idade mínima exigida para a participação é de 16 anos.
4. O tema é LIVRE. Aceita-se apenas uma obra de cada concorrente. A poesia pode ser em forma clássica, ou moderna. Não há limite de laudas (páginas). Contudo, para maior fixação, recomenda-se que não se ultrapassem duas laudas, digitadas em espaço de 1,5, fonte 12, Arial ou Times, em três vias. Há duas categorias: Local e Outras Cidades. Por favor, identifique-as logo abaixo do título do poema e, também, por fora do envelope de envio.
5. O modo de remessa é o conhecido sistema de envelopes. A poesia inscrita deve ser assinada com pseudônimo e posta num envelope grande. Os dados pessoais, inclusive nome da obra inscrita e pseudônimo, devem ser postos num envelope menor lacrado e igualmente colocado no envelope maior, devidamente fechado, sem identificação.
6. O prazo de inscrição encerra-se dia 22/03/2013, valendo a data do carimbo dos Correios. A poesia deve ser enviada para o seguinte endereço:

Rua Rio Claro, 86, Jardim Itacolomy
CEP 13843-196 – Mogi Guaçu, SP
A/C Maria Ignez Pereira

7. Os trabalhos inscritos serão julgados por membros da Casa do Escritor, UBT – Seção de Moji Guaçu e Academia Guaçuana de Letras (AGL), ficando expressamente vedada a participação de autores dessas três entidades literárias guaçuanas.
8. A premiação deve acontecer no mês de abril deste ano, em data a ser confirmada pelos responsáveis da Casa do Escritor e UBT – Seção Moji Guaçu.
9. Os prêmios serão de valor simbólico, enfatizando o caráter de partilha da poesia, assim como o reconhecimento de quem se dedica a expressar e repartir suas palavras.
10. A decisão do júri será irrevogável. Os trabalhos concorrentes não serão devolvidos.

Olivaldo Júnior
Presidente da Casa do Escritor
e da UBT – Seção Moji Guaçu

* Acompanhe o Blog da CaEs e UBT – Seção de Moji Guaçu, SP: http://caeseubt.blogspot.com.br/

21 de janeiro de 2013

06.07.2013 - 12º Concurso Brasileiro de Haicai Infanto-juvenil

Informações:
a) Concurso de Haicais
b) Categorias: Infantil e Juvenil
c) Tema: Férias de Verão

Prazo: 6 de Julho de 2013


Fonte: 
http://www.kakinet.com/concurso/


Organização:
Grêmio Haicai Ipê

Contato e Dúvidas:

concurso@kakinet.com



Regulamento:
O Grêmio Haicai Ipê, o mais tradicional grupo de estudos e prática de haicai no Brasil, promove o 12º Concurso Brasileiro de Haicai Infanto-juvenil com o intuito de incentivar e difundir a prática do haicai entre as crianças brasileiras.

Quem pode participar
Alunos do Ensino Fundamental ou Médio, com idade inferior a 15 anos.
Categoria Infantil: alunos com idade máxima de 10 anos, 11 meses e 29 dias, completados até o dia 05 de julho de 2013.
Categoria juvenil: alunos com idade máxima de 14 anos, 11 meses e 29 dias, completados até o dia 05 de julho de 2013.

Condições para participação
Cada participante poderá concorrer com apenas um trabalho, inédito e de sua própria autoria.
Tire tantas cópias quantas necessárias do formulário de inscrição e utilize o verso da folha para escrever o haicai e fazer a ilustração.
Trabalhos que vierem com o formulário grampeado serão excluídos, pois dificultam o manuseio por parte dos avaliadores.
Não serão aceitos os trabalhos apresentados sem a assinatura do participante e do responsável (pode ser o professor ou a professora).

Tema
O tema deste ano será "Férias de verão"
Mesmo num país como o Brasil, onde as particularidades de cada estação não são muito acentuadas, as férias de verão propiciam vivências únicas. Seja nos grandes centros urbanos, no campo, nas regiões litorâneas, na serra ou nas pequenas cidades do interior, haverá sempre uma atividade, um passeio, uma paisagem ou um espetáculo digno de registro.

Instruções
São inúmeras as ocasiões para vivenciar momentos únicos e especiais durante as férias escolares.
Oriente seus alunos a escolher um acontecimento marcante ocorrido durante esse período.
Incentive-o a registrar essa experiência em três linhas de aproximadamente 17 sílabas no total.
As palavras-tema (férias de verão) não precisam constar dos haicais se essa situação já estiver explicitada nos versos. Por exemplo:
Férias na fazenda. / Ronco do vovô perturba / mais que os pernilongos.
(pernilongos são pouco frequentes no inverno. Então, as férias a que se refere o poema só podem ser de verão).

Sugestão de estratégia para sensibilização dos alunos
Roda de conversa: reúna os alunos em ambiente descontraído e incentive-os a contar como foram suas férias;
Tente extrair dessas narrativas detalhes, emoções, sensações ou sentimentos que possam ser definidos como "marcantes";
Ajude-os a escolher "o mais marcante" como assunto de seu poema;
Oriente-o na divisão dos versos e corrija os erros de português, se for o caso.

Encerramento do Concurso (prazo)
O concurso encerrar-se-á no dia 06 DE JULHO DE 2013, valendo como prova de cumprimento de prazo, o carimbo dos Correios. Atenção: é uma sexta-feira!

Para onde enviar
12º Concurso Brasileiro de Haicai Infanto-juvenil
A/C Teruko Oda
Estrada de Santana, 1659 - Caucaia do Alto
Cotia, SP
06723-100

Diplomas e certificados
Serão conferidos certificados (diplomas) aos autores dos 20 melhores trabalhos e seus respectivos professores, em cada categoria.
A critério da Comissão Julgadora poderão ser conferidos mais 20 certificados aos trabalhos selecionados como Menção Honrosa, em cada categoria, se houver. Fica mantido o direito ao recebimento do certificado de participação aos respectivos professores.
O relatório final e a relação dos classificados estarão disponíveis para consulta a partir do dia 25 de agosto de 2013 no site http://www.kakinet.com/concurso
A relação dos classificados será enviada somente aos professores que tiverem alunos classificados e que tenham fornecido um endereço eletrônico válido.
Os certificados serão enviados aos classificados, pelos Correios, em carta registrada, para o endereço das respectivas escolas (ou outro constante da ficha de inscrição), no prazo máximo de 60 (sessenta) dias após a divulgação dos resultados pela internet.
É de total responsabilidade dos professores o fornecimento dos dados (corretos e completos) que possibilitem a entrega dos mesmos pelos funcionários dos Correios.

Comissão julgadora
Os poemas serão avaliados por uma comissão formada por membros do Grêmio Haicai Ipê, tendo como coordenadora a professora Teruko Oda.

IMPORTANTE
Os trabalhos devem ser recolhidos e enviados pelas escolas. Não serão aceitas inscrições individuais remetidas pelos alunos.
Escolas que enviarem mais de um trabalho por aluno serão desclassificadas.
Favor informar, com clareza, o endereço eletrônico (e-mail) da escola ou do(a) professor(a) responsável para agilizar os contatos e a troca de informações, quando necessários.

Informações
E-mail: concurso@kakinet.com
E-mail: teruko.oda@uol.com.br


Formulário de Inscrição:

Abra o formulário de inscrição:
http://www.kakinet.com/concurso/cbhij2013.htm

Imprima em papel sulfite branco tamanho A4
Se achar mais econômico, imprima apenas um original e tire tantas cópias xerox quantas forem necessárias. Não é necessário imprimir colorido.
Uma dica para agilizar o preenchimento da ficha de inscrição: preencha uma ficha com todos os dados fixos (nome, endereço e outros dados da escola, nome do professor), deixando em branco os dados variáveis(nome do(a) aluno(a), idade, série, etc).
Tire cópias xerox dessa ficha parcialmente preenchida e entregue-a ao aluno para completar com o seu haicai e respectiva ilustração.
Complete a ficha e confira os dados do aluno antes de enviar para o concurso.
Atenção: Inscrições com dados ilegíveis serão desclassificadas.