Mulheres vencem em todas as categorias do Costa Book Awards

Agência FolhaPress


Pela primeira vez na história do prêmio literário britânico Costa Book Awards, mulheres venceram em todas as categorias.

Cada vencedor por categoria recebe 5 mil euros (o equivalente a R$ 16,6 mil).

A romancista Hilary Mantel recebeu o prêmio de melhor romance com "Bring up the Bodies", que já lhe tinha dado o prêmio Man Booker e o National Book Award na categoria de Autor do Ano.

O romance ainda segue inédito no Brasil. No Brasil, Mantel teve lançados os livros "Wolf Hall", "A Sombra da Guilhotina" e "Além da Escuridão".

A escritora Mary Talbot e o seu marido Bryan Talbot -veterano dos quadrinhos- receberam o prêmio de melhor biografia com o romance gráfico "Dotter of her Father's Eyes", a biografia da filha de James Joyce, Lucia, que se entrelaça com as memórias da relação perturbada da autora com o seu pai, o acadêmico especialista em Joyce, James S. Atherton.

A jornalista e escritora Francesca Segal recebeu o prêmio de melhor primeira obra com "The Innocents", que se passa numa comunidade judia em Londres.

A poeta escocesa Kathleen Jamie recebeu o prêmio de poesia pela sua antologia "The Overhaul" e o prêmio da literatura infantil foi para a escritora e ilustradora Sally Gardner por "Maggot Moon".

No próximo dia 29, em uma cerimônia em Londres, será anunciado o livro do ano e os vencedores de cada categoria concorrem.


Fonte: